Fo­me

Valor Econômico - - OPINIÃO -

O ar­ti­go de Jo­se Gra­zi­a­no (A es­co­lha des­ta ge­ra­ção, Va­lor A13, 17/5/18), faz um es­tu­do so­bre a er­ra­di­ca­ção da fo­me no pe­río­do de 2002 a 2014. Tra­ça um apa­nha­do me­ti­cu­lo­so, que se en­cer­ra­ria em 2014. Po­de-se con­cluir que er­ra­di­ca­ção no sen­ti­do li­te­ral do ter­mo (eli­mi­nar, ex­tir­par) aca­bar de vez, fi­cou no pa­pel. No mes­mo es­tu­do oti­mis­ta o ar­ti­cu­lis­ta re­co­nhe­ce que a re­du­ção da mi­sé­ria che­gou a 82% (da des­nu­tri­ção), lo­go não fo­ra ex­tir­pa­da. A olhos vistos, sem ne­ces­si­da­de de es­ta­tís­ti­cas, a mi­sé­ria e a de­si­gual­da­de avas­sa­la­do­ra con­ti­nu­am. Is­to é vi­sí­vel não só no Nor­des­te (que vi­ve a pi­or se­ca dos úl­ti­mos 100 anos) mas tam­bém e prin­ci­pal­men­te nas ci­da­des.

Cla­ro que no pe­río­do po­pu­lis­ta hou­ve ín­di­ces “sa­tis­fa­tó­ri­os”, mas não ab­so­lu­tos de re­du­ção da mi­sé­ria e des­nu­tri­ção. Fal­ta es­co­la sim. Fal­ta o bá­si­co. Fal­ta em­pre­go, a pro­pi­ci­ar renda ali­men­tí­cia sem as­sis­ten­ci­a­lis­mo cons­tran­ge­dor. E a es­co­la ou a au­sên­cia de uma in­ter­li­ga­ção da re­de edu­ca­ci­o­nal, se hou­ves­se, abri­ga­ri­am mi­lhões de fa­mí­li­as (ex­cluí­das) que se­ri­am be­ne­fi­ci­a­das, mas ape­sar de in­cluí­das no or­ça­men­to na prá­ti­ca o or­ça­men­to é pe­que­no fren­te a mag­ni­tu­de dos Três Po­de­res.

Fal­ta mu­dar cul­tu­ral­men­te o país e en­xer­gar a edu­ca­ção co­mo pon­to de par­ti­da, in­ter­li­gan­do re­des es­co­la­res com pro­fes­so­res re­co­nhe­ci­da­men­te in­cen­ti­va­dos e bem pa­gos; o alu­no em for­ma­ção no seu am­bi­en­te, ali­men­ta­do com as três re­fei­ções, hi­pó­te­se re­mo­ta, que cor­ri­gi­ria a rota de um Bra­sil pre­cá­rio sob to­dos os ân­gu­los. Não se tra­ta de pa­na­ceia, mas de re­a­li­da­de. Cri­an­ças não vão à es­co­la, não há em quan­ti­da­de su­fi­ci­en­te, não há in­cen­ti­vo e há mui­ta mi­sé­ria. A cri­an­ça po­bre e des­nu­tri­da es­tá lan­ça­da no or­ça­men­to, mas na prá­ti­ca não es­tá. Dis­tan­te pois o país de er­ra­di­car a fo­me.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.