Re­se­te-se

Women’s Health (Brazil) - - Carta À Leitora -

Pe­ga o smartpho­ne. En­tra na re­de so­ci­al. Des­li­za o de­do na te­la pro­cu­ran­do en­con­trar al­gu­ma coi­sa que vo­cê nem sa­be bem o quê. Fecha a re­de so­ci­al. Abre a ou­tra re­de so­ci­al. Cur­te. Ama. Pas­sa rai­va. Fecha. E lá se fo­ram al­gu­mas ho­ras ape­nas ob­ser­van­do a vi­da alheia. Quan­do en­tro nes­se lo­o­ping, sei que es­tá na ho­ra de rei­ni­ci­ar.

Se sin­to a ne­ces­si­da­de de re­se­tar o meu sis­te­ma pes­so­al, cor­ro pa­ra a ci­da­de on­de nas­ci, no in­te­ri­or do Rio Gran­de do Sul. É lá, re­fa­zen­do ca­mi­nhos que per­cor­ria quan­do cri­an­ça, on­de as me­mó­ri­as da in­fân­cia pa­re­cem tão vi­vas, que eu re­car­re­go a mi­nha ba­te­ria pa­ra vol­tar à do­ce e doi­da ro­ti­na. Três, cin­co, se­te di­as – que ren­dem ener­gia por me­ses!

Nes­se mês que pas­sou, ti­ve mais uma chan­ce de fu­gir da cor­re­ria de São Pau­lo por uma cau­sa mui­to no­bre. Jun­to de um gru­po se­le­to de con­vi­da­das, fui a Mai­ri­po­rã, a cer­ca de 60 km da ca­pi­tal, mais pre­ci­sa­men­te ao Uni­que Gar­den Ho­tel & Spa. Em uma sex­ta-fei­ra en­so­la­ra­da, es­co­lhi­da a de­do, fi­ze­mos a nos­sa pri­mei­ra Ex­pe­ri­ên­cia Gour­met WOMEN`S HEALTH.

Por lá, além de res­pi­rar ar pu­ro, sen­ti­mos a tex­tu­ra das ár­vo­res e o aro­ma das flo­res e tem­pe­ros, ou­vi­mos o ven­to so­prar, ca­mi­nha­mos na água, so­bre pe­dras... Foi uma de­li­ci­o­sa re­co­ne­xão com a na­tu­re­za. De­pois dis­so, ain­da de­gus­ta­mos um al­mo­ço or­gâ­ni­co e sau­dá­vel (sai­ba tu­do so­bre ele, in­clu­si­ve as re­cei­tas, na pág. 62). No­tei que o even­to ha­via si­do um su­ces­so por­que até mes­mo as in­flu­en­ci­a­do­ras di­gi­tais, que vi­vem com o ce­lu­lar a ti­ra­co­lo, pos­ta­ram so­bre aque­le dia má­gi­co ape­nas quan­do che­ga­ram em ca­sa – e não du­ran­te o en­con­tro –, no mai­or es­ti­lo aten­ção ple­na.

Co­mo a gen­te não vem com um bo­tão­zi­nho de ON e OFF, é pre­ci­so apro­vei­tar as pau­sas da vi­da pa­ra res­pi­rar fun­do e pres­tar aten­ção ao nos­so re­dor. Se­ja na ho­ra do al­mo­ço, por um dia in­tei­ro ou, co­mo al­gu­mas lei­to­ras ins­pi­ra­do­ras da ma­té­ria “Por que cor­rer?” (pág. 54), que fa­zem as ma­las no mí­ni­mo uma vez por ano pa­ra jun­tar cor­ri­da a mais ca­rim­bos no pas­sa­por­te.

Nes­te ou­tu­bro, ti­re um tem­po pa­ra vo­cê.

Bei­jos,

Pa­trí­cia po­sa pa­ra aslen­tes do fo­tó­gra­fo, Vi­ní­cius na ima­gem ao la­do; abai­xo, ela pe­deum help pa­ra sua pro­fes­so­ra de bal­letfit­ness, Ma­ri­a­na

Os bas­ti­do­res da nos­sa vi­tri­ne de tê­nis. Mui­to es­for­ço foi co­lo­ca­do pa­ra o re­sul­ta­do fi­car lin­do

Mui­to bem acom­pa­nha­da das con­vi­da­das da pri­mei­ra edi­ção do Ex­pe­ri­ên­ciaGour­met WH, no Uni­que Gar­den Ho­tel & Spa, em Mai­ri­po­rã (SP)

Ru­bi Oka­mo­to, nos­sa de­sig­ner, re­gis­tra os mo­vi­men­tos da mo­de­lo De­ni­se Cor­des­que na nos­sa no­va se­ção 4XUM (pág. 28)

Ca­mi­la Bo­rowsky re­da­to­ra-che­fe

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.