Quero pe­dir meu na­mo­ra­do em ca­sa­men­to. Há al­gu­ma tra­di­ção pa­ra o pe­di­do ao ho­mem, co­mo o anel de di­a­man­tes nor­mal­men­te da­do à mu­lher?

Women’s Health (Brazil) - - Mais WH - — Mi­ri­an L.

Não. O que co­mu­men­te acon­te­ce nes­ses ca­sos é a mu­lher apre­sen­tar a ali­an­ça de noi­va­do do ca­sal (a sim­ples, de ou­ro, que os dois usam) no pe­di­do. Mas não exis­te uma regra quan­do o as­sun­to é noi­va­do. Li­via Marques, co­a­ch e psi­có­lo­ga de São Pau­lo, ex­pli­ca que o ide­al é ana­li­sar o per­fil de vo­cês co­mo ca­sal. “Se o de­se­jo de am­bos for o anel, dê. Mas, se vo­cê acha que ele pode não gos­tar de usar a joia, não há regra que di­ga que vo­cês pre­ci­sem”, ori­en­ta. Ain­da quer al­go pa­ra sim­bo­li­zar? Pen­se nu­ma cor­ren­te com pin­gen­te, al­go com o que os dois se sin­tam con­for­tá­veis.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.