PIRATA TEN­TA NE­GO­CI­AR ACOR­DO COM A JUS­TI­ÇA

RUI PINTO QUER EN­TRE­GAR-SE VOLUNTARIAMENTE E EVI­TAR A CA­DEIA. PE­DE SE­GU­RAN­ÇA

Correio da Manhã Weekend - - Front Page - TÂNIA LARANJO NO­TÍ­CIA EXCLUSIVA DA EDI­ÇÃO EM PA­PEL

Rui Pinto, o jo­vem que a PJ sus­pei­ta ser o pirata in­for­má­ti­co que des­ven­dou os se­gre­dos guar­da­dos nos com­pu­ta­do­res do Ben­fi­ca, po­de en­tre­gar-se e ne­go­ci­ar um per­dão que lhe per­mi­ta fi­car em li­ber­da­de.

O jo­vem es­tá in­di­ci­a­do pe­lo cri­me de aces­so ile­gal a fi­chei­ros in­for­má­ti­cos, cu­ja pe­na má­xi­ma é de cin­co anos de ca­deia. Mas po­de­rá op­tar por uma en­tre­ga vo­lun­tá­ria, pa­ra pres­tar de­cla­ra­ções no âm­bi­to da in­ves­ti­ga­ção em cur­so. Se o fi­zer, di­fi­cil­men­te fi­ca­rá em pri­são pre­ven­ti­va, po­den­do mes­mo regressar ao país on­de se en­con­tra atu­al­men­te.

Rui Pinto po­de ain­da exi­gir que as au­to­ri­da­des lhe ga­ran­tam se­gu­ran­ça ca­so ve­nha a Por­tu­gal pa­ra ser in­ter­ro­ga­do. Con­si­de­ra­do atu­al­men­te o ‘ini­mi­go nú­me­ro um’ por mui­tos ben­fi­quis­tas, o jo­vem te­rá de ter do Es­ta­do ga­ran­ti­as de que po­de de­por sem cor­rer ris­cos.

Rui Pinto es­tá nes­te mo­men­to num ou­tro país da Eu­ro­pa que não a Hun­gria, a par­tir de on­de te­rá ope­ra­do e co­me­ti­do os cri­mes em cau­sa. Mas o CM sa­be que a sua lo­ca­li­za­ção já é co­nhe­ci­da. O jo­vem tem tam­bém pen­den­tes man­da­dos de cap­tu­ra, o que di­mi­nui a sua ca­pa­ci­da­de de se des­lo­car li­vre­men­te, es­pe­ci­al­men­te no es­pa­ço Schen­gen. Se ten­tar apa­nhar um avião com do­cu­men­tos ver­da­dei­ros se­rá de­ti­do e en­vi­a­do pa­ra Por­tu­gal a fim de ser in­ter­ro­ga­do. Por ou­tro la­do, se es­ti­ver fo­ra do es­pa­ço eu­ro­peu se­rá mais di­fí­cil a sua cap­tu­ra.

Ao mes­mo tem­po, o ras­to in­for­má­ti­co dei­xa­do por Rui Pinto se­rá se­gui­do, no sen­ti­do de as au­to­ri­da­des sa­be­rem a par­tir de on­de es­tá atu­al­men­te a atu­ar. Es­ta in­ves­ti­ga­ção pas­sa­rá tam­bém pe­lo cru­za­men­to de da­dos da Po­lí­cia Ju­di­ciá­ria e das congéneres eu­ro­pei­as so­bre es­pi­o­na­gem na in­ter­net.

Mas é aqui que re­si­di­rá a mai­or di­fi­cul­da­de dos in­ves­ti­ga­do­res. Rui Pinto nun­ca ti­rou um cur­so de In­for­má­ti­ca mas tor­nou-se num ‘fo­ra de sé­rie’ de for­ma au­to­di­da­ta e aca­bou por se tor­nar um pe­ri­to em pi­ra­ta­ria in­for­má­ti­ca ca­paz de rou­bar se­gre­dos e di­nhei­ro a par­tir de qual­quer com­pu­ta­dor.

MAN­DA­DOS DE DETENÇÃO LIMITAM CA­PA­CI­DA­DE DE MO­VI­MEN­TA­ÇÃO

RUI PINTO PO­DE­RÁ

EN­TRE­GAR-SE E VOL­TAR AO PAÍS ON­DE ES­TÁ AGO­RA

PJ E CONGÉNERES VÃO

PARTILHAR DA­DOS DE ES­PI­O­NA­GEM NA NET

1Rui Pinto des­ven­dou se­gre­dos dos com­pu­ta­do­res do Ben­fi­ca2Pi­ra­ta éo ‘ini­mi­go nú­me­ro um’ dos ben­fi­quis­tas

Pau­lo Gon­çal­ves é um dos ar­gui­dos do pro­ces­so E-Tou­pei­ra

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.