Em con­ver­sa com Dr. Ja­mes Chap­pell, o co­nhe­ci­do jor­na­lis­ta mé­di­co e qui­ro­prá­ti­co nor­te-ame­ri­ca­no:

Correio da Manha - Vidas - - VIDAS -

Per­gun­ta: Qual o pa­pel de­sem­pe­nha­do por Flex For­te em pa­ci­en­tes com reu­ma­tis­mo? Dr. Ja­mes Chap­pell: Acre­di­te que bas­tam 15 mi­nu­tos pa­ra que Flex For­te atue em pro­fun­di­da­de. As su­as do­res ar­ti­cu­la­res di­mi­nu­em ins­tan­ta­ne­a­men­te gra­ças a uma for­te ação an­ti-in­fla­ma­tó­ria 100% na­tu­ral. Os re­sul­ta­dos são ver­da­dei­ra­men­te sur­pre­en­den­tes. Ao fim de 24 ho­ras após o iní­cio des­te mé­to­do, a mai­o­ria das pes­so­as já sen­te alí­vio nas ar­ti­cu­la­ções, até aí imo­bi­li­za­das pe­la ar­tro­se. Per­gun­ta: Co­mo ex­pli­ca cli­ni­ca­men­te es­sas me­lho­ri­as? Dr. Ja­mes Chap­pell: A me­lho­ria de­ve-se à in­crí­vel com­po­si­ção de Flex For­te. A Con­droi­ti­na e a Gli­co­sa­mi­na vão aju­dar a lu­bri­fi­car as ar­ti­cu­la­ções, o Har­pa­gophy­tum eo Boswel­lia ani­qui­lam as en­zi­mas que as des­tro­em. Os ami­noá­ci­dos da pro­teí­na do ca­ra­col irão fa­ci­li­tar a in­ges­tão de cál­cio pa­ra for­ta­le­cer os os­sos. A Con­droi­ti­na e a Glu­co­sa­mi­na par­ti­ci­pam na lim­pe­za das cé­lu­las mor­tas das ar­ti­cu­la­ções. Har­pa­gophy­tum e Boswel­lia lu­tam con­tra a dor e per­mi­tem os mo­vi­men­tos ne­ces­sá­ri­os à re­a­bi­li­ta­ção. O co­la­gé­nio da pro­teí­na de ca­ra­col e o MSM ga­ran­tem uma boa fle­xi­bi­li­da­de nas ar­ti­cu­la­ções. A Con­droi­ti­na, as­so­ci­a­da ao MSM, vai aju­dar a res­tau­rar os dis­cos que se­pa­ram as vér­te­bras, o que faz com que dei­xe de sen­tir do­res. Per­gun­ta: Já te­ve al­gu­ma ex­pe­ri­ên­cia com Flex For­te nos seus pa­ci­en­tes? Dr. Ja­mes Chap­pell: Uso Flex For­te com ele­va­do su­ces­so no meu con­sul­tó­rio. Eu pró­prio uti­li­zo!

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.