Ca­das­tra­do de 54 anos apa­nha­do em Serpa

DETIDOS Polícia Ju­di­ciá­ria já apa­nhou 18 in­cen­diá­ri­os es­te ano ALENTEJO Tra­ba­lha­dor ru­ral de 54 anos, que es­ta­va com pe­na sus­pen­sa por pro­vo­car fo­gos flo­res­tais, vol­tou a in­cen­di­ar a ma­ta. Apro­vei­tou as temperaturas al­tas e usou um is­quei­ro

Correio da Manha - - Primeira Página - TÂNIA LARANJO/MA­NU­EL JORGE BENTO NOTÍCIA EXCLUSIVA DA EDIÇÃO EM PA­PEL

Étra­ba­lha­dor ru­ral, tem 54 anos e já ti­nha si­do preso por ate­ar in­cên­di­os. Con­de­na­do a pe­na sus­pen­sa, nun­ca pas­sou um dia na ca­deia. Ain­da es­ta­va em li­ber­da­de con­di­ci­o­nal quan­do, no dia 28 de ju­lho – já as temperaturas su­bi­am no Alentejo – o ho­mem vol­tou a ate­ar um fo­go. Não o fez por um mo­ti­vo es­pe­cí­fi­co nem o fez de for­ma ela­bo­ra­da. Usou um is­quei­ro e in­cen­di­ou o ma­to jun­to à ber­ma da Es­tra­da Na­ci­o­nal 258, na zo­na da bar­ra­gem de Pe­dró­gão, em Serpa.

O ho­mem, que mo­ra­va numa lo­ca­li­da­de pró­xi­ma, foi ime­di­a­ta­men­te con­si­de­ra­do sus­pei­to. On­tem, foi de­ti­do pe­la PJ do Sul e hoje vai vol­tar a tri­bu­nal, pa­ra ser in­ter­ro­ga­do pe­lo juiz. Pa­ra já, es­tá nas ins­ta­la­ções da Ju­di­ciá­ria. E, des­ta vez, po­de­rá mes­mo fi­car em pri­são pre­ven­ti­va, por ser rein­ci­den­te.

Es­te é o 18º in­cen­diá­rio de­ti­do es­te ano pe­la PJ, de­pois de na quar­ta-fei­ra ter si­do apa­nha­do um jor­na­lei­ro, de 71 anos, que op­tou por ate­ar fo­go ao ma­to de um ter­re­no, em Vi­la No­va de Gaia, que ti­nha es­ta­do a lim­par - ape­nas pa­ra evi­tar o tra­ba­lho de re­mo­ver o ma­to. O fo­go alas­trou-se e con­su­miu uma área de cer­ca de 800 me­tros qua­dra­dos.

Em Armamar, foi tam­bém de­ti­da uma agri­cul­to­ra, de 37 anos. Pro­vo­cou um in­cên­dio flo­res­tal, em San­ta Cruz, que destruiu cer­ca de 100 me­tros qua­dra­dos de uma den­sa man­cha flo­res­tal. Va­leu a rá­pi­da in­ter­ven­ção dos bom­bei­ros.

Ain­da na quar­ta-fei­ra, cou­be à PJ do Por­to de­ter um ho­lan­dês que, al­co­o­li­za­do, ten­tou fur­tar um es­pe­lho de uma ca­sa aban­do­na­da - na rua Ci­da­de do Por­to, no cen­tro da P ó vo a de Var­zim -, on­de per­noi­ta­va com ou­tros ‘ocu­pas’. Foi ex­pul­so por um dos ‘co­le­gas’ e ate­ou fo­go ao quar­to. A ha­bi­ta­ção fi­cou des­truí­da e o fo­go só não atin­giu as ca­sas ge­mi­na­das de­vi­do à in­ter­ven­ção dos bom­bei­ros.

MULHER APANHADA PE­LA PJ POR LANÇAR FO­GO À FLO­RES­TA, EM ARMAMAR

Polícia Ju­di­ciá­ria já de­te­ve 18 pes­so­as es­te ano, res­pon­sá­veis por des­truí­rem uma man­cha con­si­de­rá­vel de flo­res­ta

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.