En­ga­na Fisco es­pa­nhol e com­pra bens de luxo

ES­PA­NHA r Em­pre­sá­ria po­de apa­nhar 23 anos de pri­são em Es­pa­nha por re­ce­ber 6,8 mi­lhões de for­ma frau­du­len­ta BENS r Ad­qui­riu obras de arte, car­ro e vi­ven­da, que pôs em no­me da mãe

Correio da Manha - - Portugal - JOÃO TAVARES NO­TÍ­CIA EX­CLU­SI­VA DA EDI­ÇÃO EM PA­PEL

De­ten­to­ra de três em­pre­sas, a mu­lher ‘in­ven­tou’ vá­ri­as tran­sa­ções co­mer­ci­ais em Es­pa­nha, emi­tin­do, pa­ra tal, fa­tu­ras fal­sas. Um­ne­gó­cio que per­mi­tiu à em­pre­sá­ria por­tu­gue­sa en­ga­nar o Fisco es­pa­nhol em 6,8 mi­lhões de eu­ros, atra­vés da de­vo­lu­ção do IVA. Com o di­nhei­ro com­prou obras de arte, uma­vi­a­tu­ra e uma lu­xu­o­sa vi­ven­da em Tor­res Ve­dras. Por es­te cri­me, in­cor­re ago­ra nu­ma pe­na de pri­são que po­de che­gar aos 23 anos. A mãe – e umho­mem – tam­bém se vai sen­tar no ban­co dos réus.

EM­PRE­SÁ­RIA FOI ACU­SA­DA E VAI SER JUL­GA­DA EM BA­DA­JOZ PE­LOS CRI­MES

A em­pre­sá­ria, com cer­ca de 40 anos, vai ago­ra co­me­çar aser jul­ga­da emBa­da­joz, Es­pa­nha, pe­los cri­mes de frau­de tri­bu­tá­ria, fal­si­fi­ca­ção de documentos e bran­que­a­men­to de ca­pi­tais. To­dos os bens que ad­qui­riu me­teu em no­me da mãe – com o con­sen­ti­men­to des­ta –, pe­lo que a pro­ge­ni­to­ra in­cor­re nu­ma pe­na de seis anos de pri­são.

As em­pre­sas por­tu­gue­sas – A.M. Hi­gi­e­ne e Lim­pe­za, In­te­ral­ba e Es­truc­tu­ral­ba – ti­nham se­de em Tor­res Ve­dras, na rua António Le­al d’As­cen­ção. E o es­que­ma era sim­ples. A prin­ci­pal ar­gui­da des­ta frau­de si­mu­la­va a com­pra de bens e ser­vi­ços a 13 em­pre­sas es­pa­nho­las emi­tin­do fa­tu­ras fal­sas. Com a aju­da de um as­ses­sor fis­cal es­pa­nhol, pe­diu ao Fisco a de­vo­lu­ção do va­lor do IVA, o que foi fei­to ao lon­go de seis anos. Os res­pon­sá­veis pe­las em­pre­sas es­pa­nho­las di­zem des­co­nhe­cer qual­quer ne­gó­cio man­ti­do com a ar­gui­da por­tu­gue­sa.

O es­que­ma aca­bou por ser des­co­ber­to em2011, ten­do a em­pre­sá­ria si­do in­ter­ce­ta­da em­de­zem­bro des­se ano – e esteve em­pri­são pre­ven­ti­va du­ran­te dois anos.

Por­tu­gue­sa ten­tou en­ga­nar o Fisco es­pa­nhol. Vai ser jul­ga­da por frau­de tri­bu­tá­ria, fal­si­fi­ca­ção e bran­que­a­men­to

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.