Luz no mar

Du­ran­te os úl­ti­mos anos, a sa­ga dos Lu­mi­nor tor­nou-se um sím­bo­lo da mar­ca: o Lu­mi­nor Lo­go tem sido um dos re­ló­gi­os mais ven­di­dos das co­lec­ções da Pa­ne­rai com a sua mar­can­te iden­ti­da­de, ro­bus­ta, sim­ples e icó­ni­ca.

Jornal de Negócios - - RELÓGIOS -

No iní­cio do sé­cu­lo XX, as relações da Pa­ne­rai com o Mi­nis­té­rio da De­fe­sa ita­li­a­no cres­ce­ram ex­po­nen­ci­al­men­te e a mar­ca ini­cia as su­as ex­pe­ri­ên­ci­as com ma­te­ri­ais lu­mi­nes­cen­tes. O ob­jec­ti­vo era ver me­lhor no es­cu­ro. Es­sa pos­si­bi­li­da­de era ga­ran­ti­da atra­vés de uma mis­tu­ra de sul­fe­to de zin­co e bro­me­to de rá­dio, a que se cha­ma­ria de­pois Ra­di­o­mir.

Na I Guer­ra Mun­di­al, os ins­tru­men­tos de pre­ci­são da Pa­ne­rai fa­zem par­te do arsenal mi­li­tar ita­li­a­no e, nas dé­ca­das se­guin­tes, es­sa li­ga­ção re­for­ça-se. A com­bi­na­ção do mar e do céu per­ten­ce à história da mar­ca, um fac­to mar­ca­do pe­lo nome Ra­di­o­mir, que cor­res­pon­de ao pri­mei­ro re­ló­gio con­ce­bi­do pa­ra os pri­mei­ros mer­gu­lha­do­res mi­li­ta­res, cri­a­do pe­la Pa­ne­rai pa­ra a Ma­ri­nha, em 1936, que evo­luiu gra­du­al­men­te, ao longo dos anos, pa­ra dar ori­gem ao con­tem­po­râ­neo Lu­mi­nor.

O nome Ra­di­o­mir des­cre­ve ori­gi­nal­men­te a subs­tân­cia lu­mi­nes­cen­te à ba­se de rá­dio pa­ten­te­a­da pe­la Pa­ne­rai, em 1916, pa­ra fa­zer os mos­tra­do­res lu­mi­no­sos dos ins­tru­men­tos de pre­ci­são e os bi­nó­cu­los.

Giu­sep­pe Pa­ne­rai cria os fa­mo­sos re­ló­gi­os Ra­di­o­mir e Lu­mi­nor que, após 1938, co­me­çam a equi­par os di­fe­ren­tes sec­to­res da ma­ri­nha de guer­ra ita­li­a­na. O Lu­mi­nor (on­de a subs­tân­cia lu­mi­nes­cen­te é fei­ta a partir do trí­tio) aca­ba por subs­ti­tuir os Ra­di­o­mir a partir de 1949. Sur­gem tam­bém os mo­de­los Ma­re Nos­trum, fei­tos pa­ra ofi­ci­ais de con­vés.

E, du­ran­te os úl­ti­mos anos, a sa­ga dos Lu­mi­nor tor­nou-se um sím­bo­lo da mar­ca: o Lu­mi­nor Lo­go tem sido um dos re­ló­gi­os mais ven­di­dos das co­lec­ções da Pa­ne­rai com a sua mar­can­te iden­ti­da­de, ro­bus­ta, sim­ples e icó­ni­ca. Tra­ta-se de um re­ló­gio com um de­sign mi­ni­ma­lis­ta, cu­jo úni­co ele­men­to de­co­ra­ti­vo é o lo­gó­ti­po da Pa­ne­rai no mos­tra­dor. To­dos os ou­tros de­ta­lhes são pu­ra­men­te fun­ci­o­nais, fiéis à história da Pa­ne­rai.

Es­te Lu­mi­nor Ba­se Lo­go 3 Days Ac­ci­aio, de 44 mm, es­tá dis­po­ní­vel ago­ra com o no­vo ca­li­bre P.6000, me­câ­ni­co de cor­da ma­nu­al com uma au­to­no­mia de três di­as e de­sen­vol­vi­do na ín­te­gra pe­la Ma­nu­fac­tu­ra de al­ta re­lo­jo­a­ria da Pa­ne­rai, em Neu­châ­tel.

O mos­tra­dor pos­sui o de­sign clás­si­co da Pa­ne­rai, ex­tre­ma­men­te le­gí­vel, tan­to à luz do dia co­mo às es­cu­ras, e o lo­gó­ti­po da OP às 6h em bran­co. O lo­gó­ti­po con­sis­te na in­ter­li­ga­ção das le­tras O e P com du­as se­tas a apon­tar pa­ra ci­ma e pa­ra bai­xo, re­me­ten­do pa­ra as du­as vo­ca­ções his­tó­ri­cas da Of­fi­ci­ne Pa­ne­rai. Es­te no­vo mo­de­lo é re­sis­ten­te à água até apro­xi­ma­da­men­te 100 me­tros.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.