Uma ali­a­da ou um crí­ti­co fe­roz? CDU es­co­lhe quem se se­gue a Mer­kel

São três os can­di­da­tos à su­ces­são de An­ge­la Mer­kel co­mo pre­si­den­te da CDU, con­tu­do os fa­vo­ri­tos à elei­ção são uma ali­a­da da chanceler e um dos seus prin­ci­pais ad­ver­sá­ri­os po­lí­ti­cos. Mi­nis­tro da Saú­de e crí­ti­co de Mer­kel é a ter­cei­ra op­ção.

Jornal de Negócios - - PRIMEIRA PÁGINA - DA­VID SAN­TI­A­GO dsan­ti­a­[email protected]­go­ci­os.pt

De­pois de mais de 18 anos sob li­de­ran­ça de An­ge­la Mer­kel, a CDU (União De­mo­cra­ta-Cris­tã) es­co­lhe es­ta sex­ta-fei­ra o no­vo pre­si­den­te. Es­ta elei­ção é tão mais re­le­van­te na me­di­da em que os de­mo­cra­tas- -cris­tãos não es­co­lhem so­men­te o su­ces­sor de Mer­kel, mas pos­si­vel­men­te tam­bém, se­gun­do mos­tra a his­tó­ria re­cen­te, o pró­xi­mo chanceler da Ale­ma­nha – o lí­der da CDU é tam­bém o can- di­da­to do par­ti­do a chanceler nas elei­ções fe­de­rais pre­vis­tas pa­ra 2021.

Em de­cla­ra­ções à AFP, o po­li­tó­lo­go Eckhard Jes­se no­ta que “mais ce­do ou mais tar­de, quem quer que se tor­ne lí­der do mai­or par­ti­do ale­mão se­rá pro­va­vel­men­te o pró­xi­mo chanceler”. E, co­mo mos­tra a ex­pe­ri­ên­cia pas­sa­da, o ti­tu­lar da chan­ce­la­ria ger­mâ­ni­ca é tam­bém o prin­ci­pal res­pon­sá­vel pe­la con­du­ção dos des­ti­nos da União Eu­ro­peia. Os mil e um de­le­ga­dos com ca­pa­ci­da­de de vo­to no con­gres­so da CDU, que de­cor­re nos di­as 7 e 8, em Ham­bur­go, têm três es­co­lhas pos­sí­veis: An­ne­gret Kramp-Kar­ren­bau­er, Fri­e­dri­ch Merz e Jens Spahn. As son­da­gens dão cla­ro fa­vo­ri­tis­mo aos dois pri­mei­ros can­di­da­tos. Na es­co­lha do pró­xi­mo lí­der, os de­le­ga­dos da CDU te­rão de op­tar en­tre per­so­na­li­da­des dis­tin­tas e di­fe­ren­tes op­ções po­lí­ti­cas.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.