Jornal Madeira

Parlamento investe 240 mil euros em segurança

- Por Patrícia Gaspar patricia.gaspar@jm-madeira.pt

Pertence à Assembleia Legislativ­a da Madeira (ALRAM) a maior contrataçã­o da passada semana.

A aquisição de serviços combinados de

Mercearia custa 117 mil euros ao Serviço de Saúde

GESBA vai comprar 145 mil em serviços de seguros

ENTIDADE vigilância e segurança humana e de ligação à central de receção e monitoriza­ção de alarmes vai custar ao Parlamento madeirense – pela primeira vez presidido por um eleito fora do PSD, no caso José Manuel Rodrigues, do CDS – 240000.00 euros.

O Parlamento lançou, para o efeito, um contrato público no início da semana passada 137 mil euros para limpeza da Assembleia Legislativ­a

Horários do Funchal aplica 195 mil euros na limpeza

OBJETO DE CONTRATO cujo prazo de execução se estende por um ano.

Esta semana a contrataçã­o pública ficou marcada por vários procedimen­tos públicos. Entre eles, um concurso, também a cargo do Parlamento Regional, para aquisição de serviços de limpeza nas instalaçõe­s afetas à ALRAM.

Educação contrata 220 mil em serviços de transporte

Serviços de vigilância e de segurança reforçados na HF

O Serviço Regional de Saúde foi a entidade que mais procedimen­tos públicos lançou, na passada semana, três na totalidade, abrangendo serviços e produtos que vão desde a mercearia aos materiais para aneurismas até ai fornecimen­to de refeições para as diversas unidades de saúde da Madeira.

SESARAM reforça material para aneurismas

Aberto concurso para fornecimen­to de refeições na Saúde

VALOR

 ??  ?? A Saúde regional tutelada por Pedro Ramos lançou, na passada quinta-feira, três procedimen­tos públicos, sendo que o de maior montante financeiro destinase à compra de produtos de mercearia, um contrato de aquisição de bens móveis com um valor do preço base do procedimen­to de 117.217.02 euros. De referir que este contrato tem um prazo de execução do contrato de 12 meses.
A Empresa de Gestão do Sector da Banana (GESBA) abriu concurso para aquisição de serviços de seguros. O procedimen­to público para este fim foi lançado na passada quarta-feira, com um valor do preço base do procedimen­to de 145.100.00 euros.
O prazo de execução do contrato é de
365 dias.
Outro procedimen­to público lançado no início da semana passada visa aquisição de serviços de limpeza das instalaçõe­s afetas ao Parlamento Regional.
Este contrato público tem um valor base de 136.800.00 euros e tem também um prazo de execução de um ano.
A empresa Horários do Funchal
(HF) abriu, na passada semana, um procedimen­to para contrataçã­o de serviços de limpeza de edifícios. Este concurso tem um valor base de 195.000.00 euros.
Na passada terça-feira, a Secretaria Regional de Educação (SRE) abriu concurso para a celebração de contrato de aquisição de serviços de transporte de passageiro­s com condutor.
O contrato para aquisição de Serviços tem um valor do preço base do procedimen­to de 220.950.00 euros.
A empresa Horários do Funchal Transporte­s Públicos vai adquirir serviços de vigilância e segurança, tendo aberto concurso para o efeito na passada quinta-feira.
Com um valor do preço base do procedimen­to de 195.000.00 euros, o prazo de execução do contrato é de 24 meses.
Com um valor do preço base do procedimen­to de 167.427.50 euros, o Serviço de Saúde da Região Autónoma da Madeira (SESARAM) abriu concurso para aquisição de material para aneurismas intracrani­anos.
O procedimen­to público, lançado na passada quarta-feira, tem um valor do preço base de 167.427.50 euros.
Está aberto, desde sexta-feira, o concurso para fornecimen­to de refeições para diversas unidades de Saúde.
A cargo do Serviço de Saúde da Região Autónoma da Madeira, este concurso tem um valor do preço base do procedimen­to de 99.443.52 euros e um prazo de exceção de 12 meses.
A Saúde regional tutelada por Pedro Ramos lançou, na passada quinta-feira, três procedimen­tos públicos, sendo que o de maior montante financeiro destinase à compra de produtos de mercearia, um contrato de aquisição de bens móveis com um valor do preço base do procedimen­to de 117.217.02 euros. De referir que este contrato tem um prazo de execução do contrato de 12 meses. A Empresa de Gestão do Sector da Banana (GESBA) abriu concurso para aquisição de serviços de seguros. O procedimen­to público para este fim foi lançado na passada quarta-feira, com um valor do preço base do procedimen­to de 145.100.00 euros. O prazo de execução do contrato é de 365 dias. Outro procedimen­to público lançado no início da semana passada visa aquisição de serviços de limpeza das instalaçõe­s afetas ao Parlamento Regional. Este contrato público tem um valor base de 136.800.00 euros e tem também um prazo de execução de um ano. A empresa Horários do Funchal (HF) abriu, na passada semana, um procedimen­to para contrataçã­o de serviços de limpeza de edifícios. Este concurso tem um valor base de 195.000.00 euros. Na passada terça-feira, a Secretaria Regional de Educação (SRE) abriu concurso para a celebração de contrato de aquisição de serviços de transporte de passageiro­s com condutor. O contrato para aquisição de Serviços tem um valor do preço base do procedimen­to de 220.950.00 euros. A empresa Horários do Funchal Transporte­s Públicos vai adquirir serviços de vigilância e segurança, tendo aberto concurso para o efeito na passada quinta-feira. Com um valor do preço base do procedimen­to de 195.000.00 euros, o prazo de execução do contrato é de 24 meses. Com um valor do preço base do procedimen­to de 167.427.50 euros, o Serviço de Saúde da Região Autónoma da Madeira (SESARAM) abriu concurso para aquisição de material para aneurismas intracrani­anos. O procedimen­to público, lançado na passada quarta-feira, tem um valor do preço base de 167.427.50 euros. Está aberto, desde sexta-feira, o concurso para fornecimen­to de refeições para diversas unidades de Saúde. A cargo do Serviço de Saúde da Região Autónoma da Madeira, este concurso tem um valor do preço base do procedimen­to de 99.443.52 euros e um prazo de exceção de 12 meses.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal