Jornal Madeira

GOLOS E EMOÇÃO

-

Portosante­nse e Porto da Cruz empataram a duas bolas num encontro intenso e cheio de incerteza a pairar no marcador.

Num jogo de parada e resposta, como se costuma dizer, a divisão de pontos acaba por ser um cenário aceitável, fruto de um jogo bem disputado, onde as duas equipas lutaram ao máximo para levar os três pontos do embate.

A AD Camacha partia para esta jornada com líder, mas acabou por perder essa posição com o ‘nulo’ de ontem.

Sendo assim, o Pontassole­nse (texto principal) saltou para a liderança da prova, aproveitan­do o deslize da Camacha no reduto do Estrela da Calheta, uma equipa sempre complicada quando joga em casa.

LÍDERANÇA PERDIDA

Num jogo por vezes enfadonho e com poucas oportunida­des e eficácia, o golo solitário de Prietos acabou por decidir o encontro entre Machico e Canicense.

A equipa local conseguiu por isso os três preciosos pontos, num encontro equilibrad­o mas sem grande nota artística, com os machiquens­es a serem mais eficazes que o adversário.

PRIETOS DECIDIU

O Caniçal derrotou ontem uma das sensações da prova, terminando o bom momento do Ribeira Brava com três golos, que deram o resultado final favorável de 3-1 para a ‘turma’ do Caniçal.

Com o triunfo alcançado ontem, o Caniçal é neste momento 4.º classifica­do da Divisão de Honra, alcançando ontem um triunfo robusto.

CANIÇAL ESCLARECID­O

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal