Jornal Madeira

AGRESSÃO VALE MULTA E SUSPENSÃO

A violência no encontro entre B. Argentina e Juventude, culminou com uma suspensão de 10 meses e multa de 510 euros para Hugo Ferreira.

- Por Daniel Faria danielfari­a@jm-madeira.pt

O treinador pertencent­e aos quadros da Associação Desportiva Cultural e Recreativa do Bairro da Argentina, no escalão de sub-11, Hugo Ferreira, foi suspenso por 10 meses, tendo ainda de liquidar uma multa com o valor de

510 euros, segundo deliberaçã­o do Conselho de Disciplina (CD) da Associação de Futebol da Madeira (AFM).

O caso remonta ao passado dia 12 de junho, quando no encontro entre Juventude e Bairro da Argentina, no Campo Adelino Rodrigues, no Liceu Jaime Moniz, o treinador do emblema câmara-lobense agrediu o técnico do Juventude, que desempenha­va funções de árbitro no referido encontro. Segundo informaçõe­s apuradas na altura, a agressão começou quando a Juventude AC ganhava por 7-5.

Esse ato de violência levou o técnico/árbitro, Orlando Fiqueli, ao hospital, ficando maltratado após o episódio ocorrido.

Poucos dias depois, nomeadamen­te a 17 de junho, o CD da

AFM decidiu suspender preventiva­mente Hugo Ferreira, que ficou a aguardar pelo desfecho do processo instaurado na sequência dos episódios de violência ocorridos no encontro de dia 12 de junho. Hugo Ferreira foi sancionado com um processo disciplina­r e com a suspensão preventiva, ficando afastado de comandar a equipa até nova ordem.

Agora, o CD da AFM tornou pública a decisão final do processo, culminando numa multa de 510 euros e 10 meses de suspensão, que incluem o período de suspensão iniciado no dia 17 de junho.

 ?? ?? Encontro do passado mês de junho ficou marcado por atos de pancadaria.
Encontro do passado mês de junho ficou marcado por atos de pancadaria.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal