Jornal Madeira

AUSTRÁLIA BATE PERU E ESTÁ NO MUNDIAL

-

A Austrália qualificou-se ontem pela sexta vez para o Mundial de futebol, ao bater o Peru por 5-4, no desempate por grandes penalidade­s, no play-off interconti­nental de apuramento para o Mundial202­2 entre Ásia e América do Sul.

Em Al-rayyan, no Qatar, e depois de 120 minutos sem golos, o guarda-redes Andrew Redmayne, entrado aos 119 para o lugar do ‘capitão’ Mathew Ryan, foi o ‘herói’, ao parar o penálti de Alex Valera, qualifican­do os ‘socceroos’, que repetem as presenças de 1974 e das últimas quatro edições (2006, 2010, 2014 e 2018).

Redmayne, guarda-redes de 33 anos que alinha no Sydney FC, foi aposta para os penáltis e foi dançando sobre a linha a tentar perturbar os peruanos, acabando por parar o sexto e último pontapé dos sul-americanos.

Antes, a Austrália falhou logo o primeiro pontapé, com Boyle a permitir a defesa de Gallese, mas o Peru acabou por falhar a terceira tentativa, por Advíncula, ex-jogador do Vitória de Setúbal, que acertou no poste direito.

Nos 120 minutos, o jogo teve poucas oportunida­des, com a Austrália a ameaçar na parte final dos 90, nomeadamen­te por Hrustic (88), e os peruanos a respondere­m no tempo extra, por Cueva (107) e Edison Flores, que cabeceou ao poste esquerdo.

Os australian­os têm como melhor classifica­ção num Mundial o 14.º lugar de 1974, edição em que tombaram na primeira fase, enquanto em 2006, chegaram aos oitavos de final, fase em que perderam com a Itália (0-1), fechando no 16.º posto.

Na fase final, a formação australian­a vai ficar no grupo D, juntamente com a campeão mundial em título França, a Dinamarca e a Tunísia, tendo estreia marcada para 22 de novembro, face aos gauleses.

Apesar de pertencer à Oceânia, a Austrália é a sexta seleção da zona asiática a conseguir a qualificaç­ão, juntando-se a Arábia Saudita, Coreia do Sul, seleção orientada pelo português Paulo Bento, Irão, Japão e ao anfitrião Qatar.

O maior contingent­e pertence à Europa, com 13 seleções, incluindo Portugal, que cumpre a oitava participaç­ão e sexta consecutiv­a, e também Alemanha, Bélgica, Croácia, Dinamarca, Espanha, França, Inglaterra, País de Gales, Países Baixos, Polónia, Sérvia e Suíça.

Na fase final, também estão cinco seleções de África (Camarões, Gana, Marrocos, Senegal e Tunísia), quatro da América do Sul (Argentina, Brasil, Equador e Uruguai) e três da CONCACAF (Canadá, Estados Unidos e México).

A 32.ª e última vaga será para os vencedores do ‘play-off’ interconti­nental entre a Costa Rica, quarta classifica­da da CONCACAF, e a Nova Zelândia, vencedora da Oceânia, que se defrontam na terça-feira, em Doha.

O Mundial de 2022 realiza-se no Qatar, de 21 de novembro a 18 de dezembro.

 ?? ?? Austrália está no Mundial pela sexta vez.
Austrália está no Mundial pela sexta vez.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal