O Jogo

TARDE QUENTE, MAS SEM ABALOS

Benfica fechou a fase de grupos da Taça Hugo dos Santos a vencer na Póvoa, em ambiente agitado

- CATARINA DOMINGOS

Volvidas duas semanas ●●● de se defrontare­m nas meiasfinai­s da Taça de Portugal, Póvoa e Benfica reencontra­ramse no fecho da fase de grupos da renovada Taça Hugo dos Santos. O desfecho foi igual ao de há 15 dias, triunfando as águias, por 72-87, mas, fora o resultado, a partida ficou marcada por várias incidência­s, entre elas a expulsão do técnico José Ricardo, decorrido apenas um minuto e meio de jogo (duas faltas técnicas após contestar uma falta ofensiva de Gonçalo Delgado sobre José Barbosa); e a interrupçã­o, a cinco minutos do final, por problemas na bancada. Suportando o ambiente escaldante, as águias seguem como segundas do grupo A para a final a seis, a realizar entre 3 e 5 de maio, em Gondomar.

À entrada para esta derradeira jornada, os poveiros ainda tinham chances matemática­s de atingir mais um ponto alto, tomando, por isso, a dianteira ao longo da primei

ra parte (27-16), mesmo não tendo o timoneiro e perdendo Nathan Johnson por lesão ao fim de... 30 segundos. A meio do segundo quarto, a vantagem dos da casa atingiu o máximo (31-19), dando nas vistas Calvin Wishart.

De parte a parte, as percentage­ns de lançamento não foram

famosas ao longo dos primeiros 20 minutos, o que se alterou na segunda metade, especialme­nte do lado dos visitantes. Orquestrad­a por Barbosa, a formação da Luz marcou tantos pontos no terceiro quarto (32) como em toda a primeira parte, assegurand­o assim a viragem no marcador.

Quando o encontro parou para a intervençã­o dos seguranças, o Benfica já tinha o jogo na mão (61-73), não sofrendo nenhuma quebra com a espera para que voltassem a estar reunidas as condições para se jogar. Além da vitória, Norberto Alves conseguiu fazer uma gestão equilibrad­a do plantel a pensar no dérbi do próximo sábado contra o Sporting, com uma rotação constante, e só João “Betinho” Gomes superou a fasquia dos 25 minutos em campo. Toney Douglas não foi utilizado.

 ?? ?? Daniel Relvão quase a passar por Filip Gewert para marcar
Daniel Relvão quase a passar por Filip Gewert para marcar

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal