FALLOUT 76, O ENAL­TE­CER DA PRE­GUI­ÇA

PC Guia - - CONTENTS -

Há anos, no au­ge da mi­nha pas­sa­gem pe­lo mun­do de World of War­craft, quan­do acha­va que os o MMORPG eram a me­lhor ex­pe­ri­ên­cia pos­sí­vel em jo­gos, pas­sou-me pe­los olhos um ar­ti­go que in­di­ca­va que es­ta­ria em de­sen­vol­vi­men­to uma ver­são on­li­ne de Fallout. Is­to foi mú­si­ca pa­ra os meus ou­vi­dos, prin­ci­pal­men­te por­que Fallout 3 es­ta­va a ser um imen­so su­ces­so. Aliás foi es­te jo­go, ali­a­do ao meu can­sa­ço com o am­bi­en­te ca­da vez mais hos­til (e infantil) que se co­me­çou a vi­ver em WoW, que fi­nal­men­te con­se­guiu que­brar a he­ge­mo­nia do tí­tu­lo da Bliz­zard. Na­que­le con­tex­to de cres­ci­men­to dos jo­gos on­li­ne, Fallout 3 pro­vou que com von­ta­de, tem­po e boa es­cri­ta, se con­se­gui­am cri­ar mun­dos ca­pa­zes de ab­sor­ver o jo­ga­dor e em que o mul­ti­player não é ti­do, nem acha­do. Cin­co anos de­pois apa­re­ceu Fallout 4 com no­vas per­so­na­gens, grá­fi­cos me­lho­res e o mes­mo go­zo, mas com me­nos qua­li­da­de: a es­cri­ta não foi tão boa co­mo nos dois pri­mei­ros jo­gos edi­ta­dos pe­la Bethes­da. E es­cri­ta mais pre­gui­ço­sa dá per­so­na­gens e his­tó­ri­as pi­o­res. Es­te ano, a Bethes­da anun­ci­ou um no­vo tí­tu­lo, Fallout 76, que irá ser o pri­mei­ro mul­ti­player da sé­rie. Não há hi­pó­te­se de se jo­gar em sin­gle player, pra­ti­ca­men­te não há NPC, ti­ran­do al­guns ini­mi­gos e as cri­a­tu­ras mu­tan­tes que va­mos en­con­tran­do. O nos­so mun­do é com­ple­ta­men­te aber­to a ou­tros jo­ga­do­res hu­ma­nos com os quais se tem mes­mo de tra­ba­lhar pa­ra se con­se­guir uma progressão sig­ni­fi­ca­ti­va. Ape­sar das com­ple­xi­da­des téc­ni­cas dos jo­gos on­li­ne, é mais fá­cil cri­ar um mun­do em “pin­ce­la­das” ge­rais e de­pois dei­xar que o jo­ga­dor fa­ça o res­to, que cri­ar diá­lo­gos, NPC, his­tó­ri­as, in­te­li­gên­cia ar­ti­fi­ci­al e tu­do o res­to que faz de um sin­gle player um bom jo­go. A in­ter­pre­ta­ção que a Bethes­da fez de Fallout foi boa en­quan­to du­rou e se ti­ver sau­da­des pos­so sem­pre re­vi­si­tar os mun­dos de Fallout 3 e Fallout 4. Mas em Fallout 76 não me apa­nham. Não te­nho pa­chor­ra pa­ra jo­gos mul­ti­player on­li­ne. Os anos de WoW va­ci­na­ram-me pa­ra sem­pre!

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.