Res­pos­ta rá­pi­da

Publico - Fugas - - PROTAGONISTA -

Que cui­da­dos de­ve­mos ter quan­do com­pra­mos pei­xe?

Pri­mei­ro, olhar pa­ra a eti­que­ta. Eu op­to por com­prar pei­xe que di­ga CCL, que sig­ni­fi­ca Com­pro­va­ti­vo de Com­pra em Lo­ta, ou se­ja, sig­ni­fi­ca que aque­le pei­xe foi des­car­re­ga­do em por­tos na­ci­o­nais, cum­prin­do uma sé­rie de nor­mas.

Es­sa eti­que­ta trans­mi­te-nos vá­ri­as coi­sas: o no­me co­mum e o ci­en­tí­fi­co do pes­ca­do, a ar­te usa­da na cap­tu­ra, de que lo­ta pro­vém e qual a zo­na ge­o­grá­fi­ca on­de foi cap­tu­ra­do. Os pei­xes que não têm eti­que­ta do CCL po­dem ser pro­ve­ni­en­tes de aqua­cul­tu­ra, sen­do que gran­de par­te de­les vem da Gré­cia ou da Turquia. E as pes­so­as de­vi­am con­su­mir aqui­lo que é na­ci­o­nal.

Ima­gi­na-se a che­fi­ar a co­zi­nha de um res­tau­ran­te de re­fe­rên­cia?

Não. Is­so não tem na­da a ver co­mi­go. Des­de o iní­cio, as­su­mi-me co­mo in­ves­ti­ga­do­ra e do­cen­te. Gos­to de tra­ba­lhar com pro­du­tos sus­ten­tá­veis, so­bre­tu­do do mar, e há coi­sas que eu não acei­ta­ria fa­zer.

Exem­plos?

Não me pe­çam pa­ra pro­mo­ver car­ne de por­co ou de va­ca. Não que se­ja con­tra o con­su­mo da car­ne, mas pre­fi­ro tra­ba­lhar em pro­jec­tos di­fe­ren­ci­a­dos, pro­mo­ver pro­du­tos que ne­ces­si­tem de ser, efec­ti­va­men­te, pro­mo­vi­dos.

Pas­sa mui­to tem­po a cri­ar re­cei­tas?

Sim, es­pe­ci­al­men­te em ca­sa. Te­mos um ate­li­er de co­zi­nha, vi­ra­do pa­ra o jar­dim e é sem­pre aí que me ins­pi­ro. E cha­mo o meu ma­ri­do, o meu fi­lho, ami­gos e co­le­gas da es­co­la pa­ra tes­ta­rem o que vou cri­an­do.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.