Mil­len­nium bcp com ação per­so­na­li­za­da para venda de lo­tes

Publico - Imobiliario - - Oportunidades -

No âm­bi­to da sua es­tra­té­gia de de­sin­ves­ti­men­to imobiliário, o ban­co es­tá a pro­mo­ver uma ação per­so­na­li­za­da para a venda de lo­tes de ter­re­nos para cons­tru­ção de ha­bi­ta­ção mul­ti­fa­mi­li­ar no En­tron­ca­men­to, Mon­ti­jo e em Ca­ma­ra­te (Loures). Com um tra­ba­lho “mui­to di­re­ci­o­na­do e fo­ca­do no seg­men­to”, es­ta ação é di­na­mi­za­da pe­la Eu­ro Es­ta­tes, que irá “con­tac­tar os cons­tru­to­res e pro­mo­to­res imo­bi­liá­ri­os, quer di­re­ta­men­te quer atra­vés de as­so­ci­a­ções on­de es­te­jam in­se­ri­dos, para apre­sen­tar es­tas opor­tu­ni­da­des”, ex­pli­ca Di­o­go Pit­ta Li­vé­rio, Di­re­tor Co­mer­ci­al da em­pre­sa. Os in­te­res­sa­dos po­dem “sur­gir das mais di­ver­sas lo­ca­li­za­ções”, re­fe­re Ra­mi­ro Go­mes, da Di­re­ção de Negócio Imobiliário do ban­co, es­pe­ci­al­men­te nu­ma al­tu­ra em que “a pro­cu­ra es­tá mais aten­ta a es­te ti­po de opor­tu­ni­da­des“, co­men­ta Di­o­go Pi­ta Li­vé­rio, acres­cen­tan­do que “nes­tas ur­ba­ni­za­ções on­de es­tão es­tes lo­tes não exis­tem imó­veis à venda e exis­te uma pro­cu­ra enor­me por par­te dos cli­en­tes fi­nais ou com­pra­do­res”. Em ques­tão es­tá um con­jun­to de 37 lo­tes de ter­re­nos nu­ma ur­ba­ni­za­ção nova jun­to a um su­per­mer­ca­do no En­tron­ca­men­to, que per­mi­tem a cons­tru­ção de edi­fí­ci­os mul­ti­fa­mi­li­a­res com co­mér­cio e es­ta­ci­o­na­men­to (em ca­ve). As áreas bru­tas pri­va­ti­vas para ha­bi­ta­ção va­ri­am de 862 a 3.320 m2, com os pre­ços dos lo­tes en­tre €75.000 a €262.000. Em Ca­ma­ra­te, a ação con­tem­pla 6 lo­tes na ur­ba­ni­za­ção Par­que das Oli­vei­ras, a 850 m do cen­tro des­ta fre­gue­sia, para cons­tru­ção de edi­fí­ci­os com cer­ca de 20 a 25 fo­gos ca­da e com pre­ços en­tre €460.000 e €622.000. Já no Mon­ti­jo, a ação abran­ge dois lo­tes jun­to à Pra­ça de Toi­ros, a 800 m do cen­tro des­ta ci­da­de e pró­xi­mo de aces­sos à Pon­te Vas­co da Ga­ma e pró­xi­mo de co­mér­cio e ser­vi­ços. Ca­da lo­te per­mi­te a cons­tru­ção de 60 a 70 apar­ta­men­tos (além de co­mér­cio nos pi­sos tér­re­os), com pre­ços de venda de €1.090.000 e €1.295.000. ex­clu­si­vos ato­res des­sas zo­nas”. Ou se­ja, “vão re­gres­sar os gran­des pro­je­tos fo­ra do seg­men­to al­to, que pre­ten­dem apa­nhar um pú­bli­co mais abran­gen­te, de­sig­na­da­men­te a clas­se mé­dia”, o que na sua opinião vai con­tri­buir para equi­li­brar o mer­ca­do. “Co­lo­can­do mais ofer­ta no mer­ca­do e a pre­ços aces­sí­veis à clas­se mé­dia, cer­ta­men­te aju­da­rá a es­ta­bi­li­zar a su­bi­da do va­lor dos nos­sos imó­veis nas prin­ci­pais ci­da­des do País”, de­fen­de.

Mai­or abran­gên­cia

Tam­bém Ra­mi­ro Go­mes, Res­pon­sá­vel de Ven­das – Gran­des Imó­veis Sul da Di­re­ção de Negócio Imobiliário do Mil­len­nium bcp, ban­co em cu­ja car­tei­ra de de­sin­ves­ti­men­to imobiliário os ter­re­nos para cons­tru­ção pe­sam atu­al­men­te 21%, no­ta que “re­gis­ta­mos um in­te­res­se mui­to di­fe­ren­te nes­te ti­po de ati­vos fa­ce a anos an­te­ri­o­res, fo­ra dos gran­des cen­tros ur­ba­nos de Lis­boa e Por­to e zo­nas li­mí­tro­fes, ou do Al­gar­ve, on­de a pro­cu­ra se si­tua tam­bém em bom pla­no”. Con­ce­lhos co­mo Pal­me­la, Mon­ti­jo e Al­co­che­te (Sul do Te­jo),a li­nha de Sin­tra (além de Cas­cais), mas tam­bém Coimbra, Avei­ro e Évora são zo­nas de des­ta­que des­te ti­po de pro­cu­ra. Tam­bém em ter­mos de fi­nan­ci­a­men­to à pro­mo­ção, “a pro­cu­ra co­me­çou pe­los gran­des cen­tros e zo­nas mais prime, mas tem

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.