Pre­ço das ca­sas em Bra­ga su­biu 7,4% no pri­mei­ro tri­mes­tre

No pri­mei­ro tri­mes­tre de 2018, o pre­ço das ca­sas em Bra­ga su­biu 7,4%, fa­ce ao mes­mo pe­río­do do ano pas­sa­do, re­ve­la a Con­fi­den­ci­al Imo­bi­liá­rio, no âm­bi­to do Ín­di­ce de Pre­ços Re­si­den­ci­ais

Publico - Imobiliario - - Atualidade -

O se­tor re­si­den­ci­al de Bra­ga, à se­me­lhan­ça do que tem acon­te­ci­do em qua­se to­do o país, tem de­mons­tra­do uma no­va di­nâ­mi­ca. En­tre ja­nei­ro e mar­ço des­te ano, a ten­dên­cia acen­tu­ou-se com uma va­lo­ri­za­ção de 7,4%, com­pa­ra­ti­va­men­te ao pe­río­do ho­mó­lo­go de 2017.

“Des­de o ter­cei­ro tri­mes­tre de 2014 o mer­ca­do co­me­çou a re­cu­pe­rar, após ter caí­do cer­ca de 21% des­de 2007. A re­cu­pe­ra­ção ob­ser­va­da faz com que se te­nha já atin­gi­do o mes­mo ní­vel de pre­ços que se ob­ser­va­va em 2007, re­gis­tan­do-se uma va­lo­ri­za­ção pre­ci­sa­men­te de 21% des­de en­tão. Ape­sar da va­lo­ri­za­ção re­gis­ta­da, Bra­ga con­ti­nua a ser dos con­ce­lhos on­de a ha­bi­ta­ção é mais aces­sí­vel. Com­pa­ran­do com ou­tras ca­pi­tais de dis­tri­to, Bra­ga é o quin­to con­ce­lho mais ba­ra­to, sen­do 16% mais ba­ra­to do que a mé­dia das ca­pi­tais de dis­tri­to ( já ex­cluin­do Lis­boa e Por­to)”, co­men­ta Ricardo Guimarães, di­re­tor da Con­fi­den­ci­al Imo­bi­liá­rio.

Em mé­dia, os pre­ços de ven­da no pri­mei­ro tri­mes­tre de 2018 si­tu­a­ram-se em 693 €/m2 e no ca­so dos no­vos imó­veis su­bi­ram até aos 861 €/m2. Es­tes va­lo­res com­pro­vam a evo­lu­ção dos pre­ços na ci­da­de, mas ain­da as­sim mui­to aquém dos 1.281 €/m2 pra­ti­ca­dos em 2007.

Tam­bém no que diz res­pei­to ao mer­ca­do de ar­ren­da­men­to, Bra­ga co­lo­ca-se en­tre as ci­da­des com as ren­das mais bai­xas com um va­lor mé­dio de 4,5 €/m2.

No­vos pro­je­tos de pro­mo­ção du­pli­ca­ram no úl­ti­mo ano

A es­cas­sez de ati­vos e a es­ca­la­da de pre­ços nos gran­des cen­tros ur­ba­nos de Lis­boa e do Por­to têm con­du­zi­do a uma pro­cu­ra cres­cen­te pe­las ci­da­des de mé­dia di­men­são. Is­so es­pe­lha-se na evo­lu­ção da pro­cu­ra pe­lo des­ti­no Bra­ga e no au­men­to do nú­me­ro de no­vos in­ves­ti­men­tos que vêm dar res­pos­ta à ne­ces­si­da­de de ha­bi­ta­ção por par­te das fa­mí­li­as. De acor­do com os da­dos da Con­fi­den­ci­al Imo­bi­liá­rio, em 2017, iden­ti­fi­ca­ram-se a en­tra­da em car­tei­ra de 337 no­vos pro­je­tos de pro­mo­ção, num to­tal de 822 fo­gos. Es­te nú­me­ro cor­res­pon­de a uma du­pli­ca­ção das in­ten­ções de in­ves­ti­men­to fa­ce a 2016.

DR

A es­cas­sez de ati­vos e a es­ca­la­da de pre­ços nos gran­des cen­tros ur­ba­nos de Lis­boa e do Por­to têm con­du­zi­do a uma pro­cu­ra cres­cen­te pe­las ci­da­des de mé­dia di­men­são

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.