Pas­sos es­tá a es­cre­ver bi­o­gra a em que diz que ain­da odi­a­va mais a “troi­ka” do que Ca­va­co

Publico - Inimigo - - REDENÇÃO - MB

A coi­sa não es­tá fá­cil pa­ra qu­em vai a li­vra­ri­as e não apre­cia ver ca­pas com pes­so­as que têm a ex­pres­si­vi­da­de de um lan­cil de pas­seio. Ca­va­co re­ve­lou ao país que foi por uma unha ne­gra que não par­tiu a fu­ça to­da à “troi­ka” e Pas­sos Coe­lho ame­a­ça pu­bli­car uma bi­o­gra a em que da­rá a sua ver­são dos fac­tos, ca­so não se es­que­ça de en­vi­ar o ma­nus­cri­to à edi­to­ra, tal co­mo se es­que­ceu de pa­gar a Se­gu­ran­ça so­ci­al. Na obra, a que o IP não te­ve aces­so, o ex-PM vai re­ve­lar que quis pas­sar com um ci­lin­dro de al­ca­trão por ci­ma da “troi­ka”. “Não po­dia com ela. Por is­so é que fui além da Troi­ka, pa­ra lhe mos­trar o as­co que me ia cá den­tro. Odeio, odeio, odeio a “troi­ka”. Odeio-a ain­da mais do que os pen­si­o­nis­tas e os fun­ci­o­ná­ri­os pú­bli­cos”, de­cla­rou um Pas­sos mui­to re­vol­ta­do.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.