Por­tu­gue­ses olham pa­ra o Bra­sil e temem que um dia te­nham de op­tar en­tre Ma­ria Be­go­nha e An­dré Ven­tu­ra

Publico - Inimigo - - O INIMIGO PÚBLICO - JH

Os bra­si­lei­ros fo­ram obri­ga­dos a es­co­lher en­tre um cor­rup­to e um fas­cis­ta e os por­tu­gue­ses es­tão com re­ceio que es­ta no­va on­da de po­pu­lis­mo se alas­tre a Por­tu­gal. “La­men­to o que es­tá a acon­te­cer com o nos­so país-ir­mão. Te­nho mui­to me­do que che­gue o dia em que eu olho pa­ra o bo­le­tim de vo­to e te­nho de op­tar en­tre uma can­di­da­ta que men­te na biografia, men­te na ida­de, faz re­fe­rên­cia a um mes­tra­do em Ci­ên­cia Po­lí­ti­ca que nun­ca che­gou a con­cluir e que an­tes dos 30 anos já acu­mu­la 300 mil eu­ros de ajus­tes directos e um ti­po fas­cis­ta, ra­cis­ta e xe­nó­fo­bo que de­fen­de a pe­na de mor­te, quer proi­bir os ca­sa­men­tos gay e quer cas­trar os pe­dó­fi­los. Pi­or, vão obri­gar-me a vo­tar nes­sa des­gra­ça que é a Ma­ria Be­go­nha só pa­ra evi­tar que a De­mo­cra­cia aca­be de vez. Que tra­gé­dia que is­to vai ser”, la­men­tou o ci­da­dão.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.