“Jack­son é um exem­plo de vi­da e su­pe­ra­ção”

Record (Portugal) - - SPORTING -

Co­mo viu o re­gres­so de Jack­son à com­pe­ti­ção?

M – Fa­lá­mos um pou­co an­tes do jo­go e achei que es­ta­va bem fi­si­ca­men­te. Não se no­ta que es­te­ve pra­ti­ca­men­te dois anos sem com­pe­tir. É um exem­plo de vi­da e su­pe­ra­ção pa­ra qual­quer ou­tro atle­ta, no fu­te­bol ou em qual­quer ou­tro des­por­to. Ra­pi­da­men­te vai vol­tar a mar­car.

A se­le­ção da Colôm­bia é um ca­pí­tu­lo en­cer­ra­do?

M – Nun­ca vai ser um ca­pí­tu­lo en­cer­ra­do. Es­tou ago­ra a vol­tar ao meu me­lhor ní­vel. Es­tou a jo­gar com re­gu­la­ri­da­de, a mar­car golos e a jo­gar nas com­pe­ti­ções eu­ro­pei­as. Tal­vez, men­tal­men­te, já não é al­go que me ti­re o so­no, a pen­sar que não me cha­ma­ram mas que merecia lá es­tar. Com os meus 31 anos e a ex­pe­ri­ên­cia que te­nho, já sei li­dar com is­so. Não es­tá, de to­do, en­cer­ra­do. Se­ja o que for que pos­sa acon­te­cer no fu­tu­ro, se­rá bem-vin­do. *

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.