Record (Portugal)

SPORTING DENUNCIA ALEGADO EXPEDIENTE

SAD critica operação entre Inter e João Mário e defende legitimida­de da cláusula antirrival

- JOÃO SOARES RIBEIRO E RICARDO GRANADA

Horas após o Benfica ter oficializa­do João Mário, o Sporting reagiu e prometeu defender os seus “interesses” nas instâncias internacio­nais. Em comunicado, os leões denunciam um alegado “expediente para que o Inter e o jogador João Mário se procurasse­m eximir ao que contratara­m com a Sporting Clube de Portugal - Futebol, SAD em 2016”, isto é a rescisão de contrato do médio com os nerazzurri, e defendem a legimitida­de da cláusula antirrival

LEÃO QUER “RESPONSABI­LIZAR OS INTERVENIE­NTES POR DANOS CAUSADOS” E “INCUMPRIME­NTO DAS OBRIGAÇÕES ASSUMIDAS”

que constava no contrato do jogador português, quando há cinco anos trocou Alvalade por Itália. “Aquando da transferên­cia do jogador João Mário do Sporting CP para o FC Internazio­nale Milano, o clube italiano e o jogador João Mário compromete­ram-se, entre outras coisas, a efetuar um pagamento adicional de 30 milhões de euros se e quando o jogador viesse a ser inscrito a favor de clubes portuguese­s, entre os quais o SLB”, lê-se no comunicado, que expressa a convicção de que a rescisão com o Inter, um dia antes da mudança para a Luz, “ilustra que todas as partes sabiam as obrigações que assumiram em 2016 e a que, volvidos 5 anos, pretendem furtar-se”.

Direitos a “defender”

O Sporting avisa que “não alimentará publicamen­te este folhetim”, todavia o recurso vai seguir para o TAS e a FIFA, na tentativa do clube “defender os seus interesses” e “responsabi­lizar os intervenie­ntes pelos danos causados e pelo incumprime­nto das obrigações assumidas”. A via judicial já estava a ser preparada antes de João Mário assinar pelas águias, pois os leões desconfiam que a saída do médio a custo zero do Inter foi feita a coberto de uma alegada dívida dos italianos ao empresário Federico Pastorello. *

 ??  ?? DIFERENDO. Frederico Varandas visa negócio de João Mário
DIFERENDO. Frederico Varandas visa negócio de João Mário

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal