Record (Portugal)

“Ambição de fazer história”

-

O central do FC Porto e da Seleção de andebol, Rui Silva, manifestou-se orgulhoso por ser o capitão dos Heróis do Mar, admitindo que nunca irá esquecer o golo que marcou à França no último segundo do triunfo (29-28) que garantiu a qualificaç­ão para Tóquio, meses após a morte do amigo e companheir­o de equipa Alfredo Quintana. “É um sentimento de orgulho, único, poder conjugar o que foi sempre um sonho, representa­r o meu país, e poder capitanear a Seleção numa altura em que o andebol tem resultados incríveis. Aquele golo foi superespec­ial, por todos os motivos e mais alguns. Sei que posso concretiza­r um sonho, meu e de todos os colegas, estar nuns Jogos Olímpicos, uma experiênci­a única”, sublinhou. Rui Silva acredita que os Heróis do Mar podem cativar, na única modalidade coletiva de pavilhão que Portugal leva aos Jogos.

“Vai ficar muita gente acordada e se as coisas correrem bem, acredito que chame a atenção de muitos mais portuguese­s. Nunca jogamos para perder. Nestes três anos, tudo o que temos feito foi acreditar, com uma união de grupo fantástica. Podemos vencer qualquer seleção. Vamos para os Jogos com a ambição de fazer história”, garantiu.

*

 ??  ??

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal