Record (Portugal)

TADEJ POGACAR

Pogacar, de 22 anos, será hoje consagrado em Paris, após triunfo de Van Aert no crono

- ALEXANDRE REIS

OURO: O esloveno defendeu-se bem no contrarrel­ógio (8.º a 57 segundos de Van Aert) e pode festejar a segunda vitória consecutiv­a no Tour. Hoje terá a consagraçã­o em Paris. Tanta glória para apenas 22 anos.

O esloveno Tadej Pogacar (Emirates) é o virtual vencedor do Tour, cumprido ontem o contrarrel­ógio da penúltima etapa, entre Libourne e Saint-Émilion (30,8 km), ganho pelo belga Wout van Aert (Jumbo). Sem forçar, o companheir­o de Rui Costa acabou em 8º (a 57 segundos), limitando-se a gerir para manter as distâncias na geral, que não sofreu qualquer alteração no top-10. Hoje, a 21ª e última etapa da 108ª edição vai consagrar o mais jovem bicampeão da história, aos 22 anos, enquanto resta ainda a hipótese ao britânico Mark Cavendish (Deceuninck) de poder bater o recorde das 34 vitórias de Eddy Merckx, desde que ganhe na ligação de 108,4 km entre Chatou e Paris (Champs-Élysées). Van Aert ficou satisfeito, sendo o primeiro belga a ganhar um contrarrel­ógio do Tour nos últimos 36 anos. “Vencer o crono da Volta a França foi sempre um dos objetivos”, sublinhou. Já Pogacar prepara-se para a etapa da consagraçã­o: “Dei tudo e não poderia dar mais. Estas corridas é como quando jogava com os meus irmãos, queria ganhar sempre, mas para me divertir. Gosto do desporto e de competir, a vencer ou a perder. Não quero ser apelidado de ‘novo canibal’, pois cada corredor tem a sua personalid­ade. E admiro Egan Bernal, que lançou a nova geração de campeões.” O esloveno explicou os melhores momentos do Tour: “Foi o triunfo em Col du Portet e

“FOI EMOCIONANT­E VER O MEU TREINADOR ALLAN PEIPER. ESTÁ MELHOR, APÓS AUSÊNCIA POR CANCRO”, SALIENTOU POGACAR

quando vi o meu treinador Allan Peiper, que tem estado ausente por cancro. Ver que está melhor foi muito emocionant­e. ”

Ruben Guerreiro e Rui Costa estiveram discretos no contrarrel­ógio, ocupando o 18º e 78º lugares da geral, respetivam­ente. Já o francês Franck Bonnamour (B&B Hotels) foi eleito o ciclista mais combativo do Tour.

*

 ??  ??
 ??  ?? CLASSE. Tadej Pogacar promete animar as Grandes Voltas nos próximos anos
CLASSE. Tadej Pogacar promete animar as Grandes Voltas nos próximos anos

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal