MIMINHOS DE PORCO EM PAU DE LOURO

Correio da Manha - Sexta - - Natal À Mesa -

pão é re­che­a­do com en­chi­dos, car­ne de va­ca e os res­pe­ti­vos miú­dos. Já du­ran­te a pre­pa­ra­ção, que de­mo­ra três ho­ras, o mes­mo é vi­ra­do ao con­trá­rio três ve­zes - nu­ma das quais o capão é re­ga­do com vi­nho do por­to branco ge­la­do. O ob­je­ti- OS MIMINHOS DE P O R C O S Ã O U M DOS PRA­TOS de as­si­na­tu­ra do res­tau­ran­te O Pi­nhei­ro, em Boi­do­bra, Co­vi­lhã, mas com a che­ga­da do Natal os co­zi­nhei­ros dão- lhe um to­que es­pe­ci­al. “Os lom­bi­nhos são as­sa­dos e es­pe­ta­dos nu­ma va­ra de lou­rei­ro. O acom­pa­nha­men­to pas­sa a ser ba­ta­ta do­ce fri­ta às ro­de­las e mi­gas de broa e cou­ve sal­te­a­da. O pau de louro dá um pa­la­dar e as­pe­to mais rús­ti­co, e a ba­ta­ta- do­ce e as mi­gas um sa­bor tí­pi­co do Natal da nos­sa re­gião”, diz Pe­dro Fer­rei­ra, um dos pro­pri­e­tá­ri­os.

Lo­cal: Sí­tio da Cruz, Boi­do­bra Con­tac­to: 275 314 498 vo é que a pe­le fi­que cro­can­te. No fi­nal, e an­tes de ir pa­ra a me­sa, é trin­cha­do e o re­cheio re­ti­ra­do. É ser­vi­do com ba­ta­tas e ar­roz de for­no.

Lo­cal: Rua de No­vais, 157, Ar­rei­ga­da, Pa­ços de Fer­rei­ra Con­tac­to: 919 334 556

CAPÃO FI­CA EM TEMPERO DOIS DI­AS E É LE­VA­DO AO FOR­NO A LE­NHA DU­RAN­TE TRÊS HO­RAS

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.