CO­LE­ÇÃO ES­PE­CI­AL

UM MOS­CA­TEL FEI­TO COM PAI­XÃO O MAIS RECENTEVIN­HO DE DO­MIN­GOS SO­A­RES FRANCOTEM RE­CE­BI­DO RASGADOS ELOGIOS

Correio da Manha - Sexta - - Seleção Nacional -

RE­SUL­TA DE VÁ­RI­OS ANOS DE EN­SAI­OS EÉO MAIS RECENTE VI­NHO de Do­min­gos So­a­res Fran­co a che­gar ao mer­ca­do. Tra­ta- se do Co­le­ção Pri­va­da DSF Mos­ca­tel de Setúbal 2002 – Ar­mag­nac, ela­bo­ra­do com re­cur­so a uma aguar­den­te­ví­nic ada re­gião de Ar­mag­nac, Fran­ça.

Do­min­gosSo ares Fran­coéo enó­lo­go prin­ci­pal da em­pre­sa José Maria da Fon­se­ca. Ape­sar de as­si­nar to­dos os vi­nhos, re­ser­vou pa­ra si uma co­le­ção es­pe­ci­al em que se per­mi­te ex­pe­ri­men­tar, ino­var e cri­ar no­vos per­fis de vi­nhos.

Com aces­so a mais de 650 hec­ta­res de vi­nha, reu­niu as con­di­ções pa­ra tam­bém evo­luir na pro­du­ção de Mos­ca­tel de Setúbal. Em 1998 ini­ci­ou ci n co a n os d e en sa i os em que, com uvas da mes­ma vi­nha, fez vi­nho com qua­tro ti­pos de aguar­den­tes di­fe­ren­tes: uma neu­tra, ou­tra de ori­gem da re­gião de Cog­nac, ou­tra de ori­gem da re­gião de Ar­mag­nac e um quar­to lote com 50% des­tas úl ti mas. Após cin­co anos de pro­vas, o lote de Ar­mag­nac destacou- se pe­la sua subtileza, fres­cu­ra, com­ple­xi­da­de e har­mo­nia.

LOTE DE AR­MAG­NAC DESTACOU- SE PE­LA SUA SUBTILEZA E HAR­MO­NIA

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.