TOURIGA FRANCA UM NO­VO TINTO DA QUINTA DO PÔPA

CASTAFUNDA­MENTALPARA­DAR ESTRUTURA AOSVINHOS DO POR­TO EVINHOS DOC DOURO

Correio da Manha - Sexta - - Seleção Nacional -

QUEM SA­BE MUI­TO DE VI­NHO DO POR­TO ( os que o fa­zem e aque­les que o pro­vam) afi­an­ça que a casta mais im­por­tan­te no Douro não é, ao con­trá­rio do que mui­ta gen­te pensa só por cau­sa das mo­das, a Touriga Na­ci­o­nal. É, sim, a Touriga Franca. E co­mo são os in­gle­ses a man­dar no ne­gó­cio, va­le a pe­na di­zer que tal casta é co­nhe­ci­da co­mo a ‘ back­bo­ne’, que o mes­mo é di­zer que a Touriga Franca é a es­pi­nha dor­sal dos vi­nhos do Por­to. De res­to, os mais an­ti­gos gos­tam de prog­nos­ti­car co­mo se­rá o ano vi­tí­co­la a par­tir dos pri­mei­ros mos­tos da Touriga Franca. A casta é uma es­pé­cie de bús­so­la da re­gião do Douro.

Ora, se a Touriga Franca é boa pa­ra fa­zer vi­nhos do Por­to, tam­bém faz boa fi­gu­ra nos vi­nhos DOC Douro.

E, na Quinta do Pôpa, os ir­mãos Stépha­ne e Va­nes­sa Fer­rei­ra en­ten­de­ram que uma vi­nha de Touriga Franca plan­ta­da em 2003 po­de­ria di­fe­ren­ci­ar o port­fó­lio da em­pre­sa. E pen­sa­ram bem por­que, de res­to, qua­li­da­de à par­te, es­ta­mos perante um vi­nho que mos­tra­rá aos lei­to­res a ri­que­za da casta Touriga Franca.

AO CON­TRÁ­RIO DO QUE SE PENSA, A CASTA MAIS PLAN­TA­DA NO DOURO É A TOURIGA FRANCA

As no­tas de fru­ta mis­turam- se com aro­mas de es­pe­ci­a­ri­as. Na bo­ca, ele­gan­te e equi­li­bra­do em ma­té­ria de ál­co­ol. 23,50 eu­ros

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.