ABSTRAÇÃO DIVERTIMEN­TO À PE­ÇA

INVASÕES EXTRATERRE­STRES AMEAÇAMAS FAMOSAS FI­GU­RAS QUEVOLTAM NUMAPARÓDI­AÀ FIC­ÇÃO CI­EN­TÍ­FI­CA

Correio da Manha - Sexta - - 7 ª Arte -

OS ESTÚDIOS WARNER TÊM CONSEGUIDO APROVEITAR A SAGA DE LEGO NO GRAN­DE ECRÃ. De­pois de um pri­mei­ro ca­pí­tu­lo bem su­ce­di­do e du­as va­ri­a­ções – ‘ Lego Bat­man’ e ‘ Lego Nin­jan­go’ –, che­gou o mo­men­to de vol­tar às per­so­na­gens da obra ori­gi­nal, re­vi­go­ran­do o ím­pe­to aven­tu­rei­ro. ‘ O Fil­me Lego 2’, já em exi­bi­ção nas sa­las por­tu­gue­sas, pas­sa- se cin­co anos de­pois do pri­mei­ro to­mo.

Uma no­va ame­a­ça co­me­ça a pai­rar so­bre a co­mu­ni­da­de Lego, quan­do extraterre­stres de tra­ços in­fan­tis rap­tam vá- ri­as fi­gu­ras pa­ra uma di­men­são pa­ra­le­la. Aqui­lo que se pre­ten­de é cri­ar uma me­tá­fo­ra so­bre dois ir­mãos de ida­des di­fe­ren­tes que, no mun­do re­al, disputam as famosas pe­ças.

Em­bo­ra man­te­nha um rit­mo ace­le­ra­do e pi­a­das dis­pa­ra­das em diá­lo­gos acu­ti­lan­tes, ‘ O Fil­me Lego 2’ acres­cen­ta pou­co ao que já se co­nhe­cia na pri­mei­ra aven­tu­ra. Por ou­tro la­do, os nú­me­ros mu­si­cais não co­lam. Res­ta a pa­ró­dia que é fei­ta ao gé­ne­ro da fic­ção ci­en­tí­fi­ca e os bons mo­men­tos pro­ta­go­ni­za­dos por um Bat­man apai­xo­na­do, que pa­re­ce ace­der su­bir ao al­tar.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.