CHUVADE PRA­TA ATOR DÁ COR­PO A TRÊS PER­SO­NA­GENS

NO ANO EM QUE VÍ­TOR ES­PA­DI­NHA CE­LE­BRA 80ANOS DE­VI­DA E 60 DE CAR­REI­RA, ÉO PRO­TA­GO­NIS­TA DE UM ES­PE­TÁ­CU­LO QUE ES­TÁ A ESGOTAR TODASAS NOI­TES

Correio da Manha - Sexta - - Ver, Ouvir E Ler ‘ -

VÍ­TOR ES­PA­DI­NHA NEM CA­BE EM SI DE TAN­TO OR­GU­LHO. Pres­tes a com­ple­tar 80 anos de vi­da e 60 de car­rei­ra ar­tís­ti­ca, es­tá em ce­na no pal­co do Au­di­tó­rio Eu­ni­ce Muñoz, em Oei­ras, com a pe­ça ‘ Es­ta Noi­te Cho­veu Pra­ta’, de Pe­dro Blo­ch. Um su­ces­so que tem en­chi­do as sa­las to­das as noi­tes. “No fi­nal, re­ce­bo tan­tos aplau­sos que nem con­si­go sair do pal­co”, ex­pli­ca, ele que é nor­mal­men­te mais co­no­ta­do com a co­mé­dia mas que aqui dá cor­po a um dra­ma.

“É a his­tó­ria de um ve­lho ator que es­tá a mor­rer e que é vi­si­ta­do por dois ami­gos. Eu fa­ço to­das as per­so­na­gens – o que é bas­tan­te du­ro. Mas o pú­bli­co es­tá a gos­tar mui­to, por is­so al­gu­ma coi­sa de­vo es­tar a fa­zer bem...”, diz o ator.

O es­pe­tá­cu­lo, que tem en­ce­na­ção de Cel­so Cle­to, des­pe­de- se já nes­te do­min­go de Oei­ras, mas pro­me­te vol­tar em bre­ve. “Va­mos fa­zer di­gres­são e de­pois re­gres­sa­mos, uma vez que o es­pe­tá­cu­lo es­tá a ter tão boa acei­ta­ção”, re­ve­la Es­pa­di­nha. “No dia 10 de ju­lho, dia dos meus anos, vou fa­zê- lo no Ca­si­no Es­to­ril”, con­clui.

DRA­MA GI­RA EM TOR­NO DE UM VE­LHO ATOR QUE TO­DOS JULGAM QUE ES­TÁ A MOR­RER

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.