JÔ EXPULSA PAZ DE CA­SA E CON­FES­SA MEN­TI­RAS

APÓS VER RÉ­GIS EN­TRE A VI­DA E A MOR­TE, A VI­LÃ RE­VE­LA À MÃE QUE A AN­DOU A EN­GA­NAR

Correio da Manha - Sexta - - Não Perca -

Ama­deu con­se­gue li­ber­tar Ma­ria da Paz da pri­são. Mas a em­pre­sá­ria, quan­do re­gres­sa a ca­sa, apa­nha uma de­si­lu­são. Ain­da con­vic­ta de que Jô foi ma­ni­pu­la­da por Ré­gis, a em­pre­sá­ria vai fa­lar com a vi­lã. Mas aca­ba por des­co­brir que es­te­ve a ser en­ga­na­da pe­lo ma­ri­do e pe­la fi­lha. “Foi tu­do com­bi­na­do. Eu e Ré­gis es­tá­va­mos jun­tos nas tu­as cos­tas. Mui­tas ve­zes es­ta­vas a dor­mir e nós jun­tos no quar­to... Achas que um ho­mem co­mo ele ia gos­tar de ti? Eu que­ria o teu di­nhei­ro. Eu rou­bei-te di­nhei­ro tan­tas ve­zes, sem per­ce­be­res. Fos­te bur­ra”, re­ve­lou a vi­lã. Com a con­fis­são da fi­lha, Paz fi­ca de­so­ri­en­ta­da, mas Jô apro­vei­ta pa­ra ex­pul­sar a mãe de ca­sa. “Pe­ga nas tu­as coi­sas e vai em­bo­ra. Quan­do o Ré­gis vol­tar, não que­ro que es­te­jas cá”, dei­xan­do Paz afli­ta.

De­pois de Ama­deu pa­gar a fi­an­ça pa­ra sair da pri­são, Paz vai ter com a fi­lha pa­ra per­ce­ber o que acon­te­ceu, mas é expulsa

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.