Po­lé­mi­cas e bi­zar­ri­as de 2019

Correio da Manha - Sexta - - Êxito Música - POR MI­GUEL AZE­VE­DO JOR­NA­LIS­TA

Nes­te mun­do da mú­si­ca, os verdadeiro­s mi­tos ali­men­tam-se não só da obra, mas tam­bém da vi­da e das po­lé­mi­cas que abra­çam. E uma vez mais 2019 fi­ca­rá na his­tó­ria pe­la con­tro­vér­si­as, ex­cen­tri­ci­da­des e bi­zar­ri­as.

De­pois das in­cri­mi­na­ções de pe­do­fi­lia, Mi­cha­el Jack­son foi acu­sa­do de mal­tra­tar o chim­pan­zé de es­ti­ma­ção Bub­bles; Ari­a­na Gran­de foi ar­ra­sa­da por ser cabeça de car­taz de um fes­ti­val gay não sen­do... gay; sem pa­pas na lín­gua, Kanye West afir­mou que os de­mo­cra­tas es­tão a fa­zer com que os afro-ame­ri­ca­nos abor­tem as su­as cri­an­ças; May­nard Ja­mes Ke­e­nan, dos To­ol, afir­mou que Jus­tin Bi­e­ber es­tá ro­de­a­do de por­ca­ria; Katy Per­ry foi acu­sa­da de as­sé­dio se­xu­al por uma apre­sen­ta­do­ra de te­le­vi­são; os her­dei­ros de Prin­ce ati­ra­ram-se a Do­nald Trump de­pois des­te ter usa­do o te­ma ‘Pur­ple Rain’ num even­to po­lí­ti­co; Court­ney Lo­ve as­su­miu-se uma das dro­ga­das na re­for­ma mais fa­mo­sas do pla­ne­ta; Mi­ley Cyrus pro­vo­cou a ira da co­mu­ni­da­de lés­bi­ca ao di­zer que as mu­lhe­res não pre­ci­sam de ser gays “por­que há mui­tos bons ho­mens por aí”.

Já Iggy Aza­lea viu fotos su­as “proi­bi­das” caí­rem na in­ter­net e afir­mou que se sen­tia vi­o­la­da; Si­néad O’Con­nor te­ve de se des­cul­par pe­lo que cha­ma um “Twe­e­ter ma­lu­co” em que di­zia que não que­ria per­der mais tem­po com gen­te bran­ca, ago­ra que es­ta­va con­ver­ti­da ao is­la­mis­mo; Ma­rilyn Man­son vol­tou à sua boa for­ma e quei­mou uma Bí­blia num fes­ti­val no Te­xas; Pe­te Townshend, dos The Who, te­ve de re­tra­tar-se de­pois de ter di­to à ‘Rol­ling Sto­ne’ que es­ta­va sa­tis­fei­to com a mor­te dos an­ti­gos com­pa­nhei­ros Keith Mo­on e John Entwis­tle...

“AS MU­LHE­RES

NÃO PRE­CI­SAM DE SER GAYS”, DIS­SE MYLEY CYRUS

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.