Grava­ções INFERNAIS

Em um mês fo­ram fei­tos 13 epi­só­di­os do pro­gra­ma da RTP1, a um rit­mo alu­ci­nan­te. “Es­ta­mos a gra­var 20 ho­ras por dia”, con­fes­sa Sónia Araújo

TV Guia - - ACTUAL RTP1 -

A Araújo, se­gun­da edi­ção de Co­si­do à Mão es­tá qua­se a es­tre­ar e a TV Guia es­te­ve nos bas­ti­do­res do pro­gra­ma de cos­tu­ra da RTP1. Sónia

de 47 anos, tal co­mo a nos­sa re­vis­ta avan­çou, é, mais uma vez, a gran­de an­fi­triã. Pa­ra ava­li­ar os as­pi­ran­tes a cos­tu­rei­ros há três ju­ra­dos: o alfaiate Pau­lo Bat­tis­ta, a cri­a­do­ra de mo­da Susana Agos­ti­nho e Mariama Bar­bo­sa, a gran­de no­vi­da­de des­ta tem­po­ra­da.

Foi um mês pa­ra se gra­va­rem 13 epi­só­di­os. Sónia Araújo dei­xou o Por­to pa­ra ru­mar até Lis­boa e,à TV Guia, não esconde o can­sa­ço que acu­mu­lou ao lon­go des­tes 30 di­as .“Fa­ze­rum pro­gra­ma des­te sé mui­to can­sa­ti­vo. Gra­va­mos de se­gun­da a sex­ta du­ran­te o dia to­do. Bas­ta di­zer que, na mai­or par­te das ve­zes, es­ta­mos agra­var mais de 20 ho­ras por dia .” No en­tan­to, a sen­su­al apre­sen­ta­do­ra ga­ran­te que “não toma vi­ta­mi­nas”, pa­ra “aguen­tar es­te rit­mo”. “A re­cei­ta é gos­tar do que fa­ço e ten­tar dor­mir quan­do pos­so .”

UMA AR­TE QUE RE­NAS­CEU

O que mais sur­pre­en­de os três ju­ra­dos é es­te gos­to pe­la cos­tu­ra que re­a­pa­re­ceu com os anos. “Quan­do co­me­cei al­fei­ta­ria, os ami­gos diziam que ia tra­ba­lhar com ve­lho­tes. Ma­seu­e­ra­a­pai­xo­na­do­po­ris­to.Ejá­vía­mos es­te ti­po de pro­gra­mas lá em ca­sa. So­mos um país de têx­til!”, diz Pau­lo Bat­tis­ta. Tam­bém Susana Agos­ti­nho re­al­ça os ta­len­tos que apa­re­ce­ram nes­ta se­gun­da tem­po­ra­da: “São fan­tás­ti­cos! Des­de a úl­ti­ma edi­ção, as pes­so­as fi­ca­ram mais aler­ta e in­te­res­sa­das por es­ta ques­tão da cos­tu­ra. Des­per­ta­ram, ou­tra vez, e is­so é mui­to gra­ti­fi­can­te.” ●

TEX­TO CA­RO­LI­NA PIN­TO FER­REI­RA | FO­TOS LI­LI­A­NA PE­REI­RA

SUSANA AGOS­TI­NHO lem­bra que, des­de Co­si­doà Mão, abri­ram no­vos es­pa­çosde cos­tu­ra.SÓNIA ARAÚJOafir­ma que“o me­lhor do pro­gra­ma foi ter des­co­ber­to que exis­tem tan­toscos­tu­rei­ros em Por­tu­gal”.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.