MU­LHER DE TRA­FI­CAN­TE DE AR­MAS AN­GO­LA­NO EX­PÕE NO PA­LÁ­CIO DA AJU­DA EM LIS­BOA

A ex­po­si­ção de Só­nia Fal­co­ne foi inau­gu­ra­da a 16 de Se­tem­bro e vai es­tar pa­ten­te até dia 31 de de­zem­bro. Por Lis­boa pas­sou des­per­ce­bi­da, mas fez fu­ror no jor­nal bo­li­vi­a­no “El De­ber” que a clas­si­fi­ca co­mo a ex­po­si­ção mais im­por­tan­te da car­rei­ra ar­tís­ti­ca d

Folha 8 - - CULTURA -

NPi­er­re Fal­co­ne, em­pre­sá­rio de ori­gem ar­ge­li­na na­tu­ra­li­za­do an­go­la­no, é um dos mais in­flu­en­tes ho­mens de ne­gó­ci­os do mun­do, ac­tu­an­do em ra­mos tão di­fe­ren­tes co­mo a publicidade na Chi­na ou a ex­plo­ra­ção de pe­tró­leo em Áfri­ca, sen­do o trá­fi­co de ar­mas uma das su­as múl­ti­plas ac­ti­vi­da­des. É dos pou­cos ho­mens de con­fi­an­ça de Jo­sé Edu­ar­do dos San­tos e um dos men­to­res da cons­tru­ção da Cen­tra­li­da­de do Ki­lam­ba em Lu­an­da. Só­nia Fal­co­ne foi Miss Bo­lí­via em 1988, es­se pas­sa­do tem pou­ca re­le­vân­cia na ac­tu­a­li­da­de. Se­gun­do o di­re­tor do Pa­lá­cio Na­ci­o­nal da Aju­da, Jo­sé Al- ber­to Ri­bei­ro, a ex­po­si­ção “Cam­pos de Vi­da” de Só­nia Fal­co­ne traz cor e mo­der­ni­da­de aos cor­re­do­res ne­o­clás­si­cos de um mo­nu- men­to que as­sim se tor­na ca­da vez mais in­te­gra­do na con­tem­po­ra­nei­da­de. En­quan­to mon­ta­va as 45 obras re­par­ti­das por 27 sa- las da Aju­da, Só­nia des­co­briu Lis­boa: “É uma ci­da­de que me en­can­ta, te­nho que com­prar ca­sa aqui!”, Con­fi­den­ci­ou aos jor­na­lis­tas, “en­can­tam-me tam­bém e tan­to as pes­so­as da­qui, co­mo os ele­men­tos por­tu­gue­ses da mi­nha equi­pa que me aju­da­ram a mon­tar a ex­po­si­ção, sem­pre tão dis­po­ní­veis e tão pron­ta!” O Fo­lha8 con­tac­tou o Mi­nis­té­rio da Cul­tu­ra de Por­tu­gal pa­ra ques­ti­o­nar as in­for­ma­ções so­bre a ex­po­si­ção de So­nia Fal­co­ne e a mo­ra­li­da­de do ac­to, os ti­tu­la­res do pe­lou­ro alegam que a res­pon­sa­bi­li­da­de é do di­rec­tor do Pa­lá­cio da Aju­da. De re­cor­dar que no Pa­lá­cio Na­ci­o­nal da Aju­da (Lis­boa - Por­tu­gal) vi­veu D. Ma­ria Pia, uma rai­nha-ar­tis­ta, pi­o­nei­ra em tan­tas ar­tes, fo­tó­gra­fa, pin­to­ra, de­se­nha­do­ra, uma mu­lher do mun­do, uma in­flu­en­ci­a­do­ra cul­tu­al.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.