Ser­vi­ços fis­cais com gran­de vo­lu­me de ar­re­ca­da­ções

Jornal de Angola - - ECONOMIA - JO­SÉ RUFINO |

Um to­tal de 1.206 mi­lhões de kwan­zas fo­ram ar­re­ca­da­dos pe­la Re­par­ti­ção Fis­cal do Moxico para os co­fres de Es­ta­do, de Ja­nei­ro a Ju­nho, anun­ci­ou, on­tem, ao Jor­nal de An­go­la, a de­le­ga­da pro­vin­ci­al das Fi­nan­ças, Ani­ca Pas­co­al.

O Im­pos­to so­bre o Ren­di­men­to de Tra­ba­lho cons­ti­tui 48 por cen­to do va­lor ar­re­ca­da­do, o In­dus­tri­al 16, o de Selo dez e o de con­su­mo se­te, apon­tou a de­le­ga­da das Fi­nan­ças do Moxico, acres­cen­tan­do que as co­bran­ças fis­cais su­bi­ram em 343,5 mi­lhões de kwan­zas em re­la­ção ao mes­mo pe­río­do de 2015, em que fo­ram ar­re­ca­da­dos 862,6 mi­lhões de kwan­zas.

Ani­ca Pas­co­al afir­mou que, fa­ce a es­tes re­sul­ta­dos, a Re­par­ti­ção Fis­cal do Moxico tem gran­des ex­pec­ta­ti­vas para o res­to do ano e su­bli­nhou a ne­ces­si­da­de do Go­ver­no Pro­vin­ci­al do Moxico e o Mi­nis­té­rio das Fi­nan­ças cri­a­rem me­ca­nis­mos para co­lo­car os ser­vi­ços da Ad­mi­nis­tra­ção Ge­ral Tri­bu­ta­ria (AGT), em sedes mu­ni­ci­pais co­mo o Al­to Zam­be­ze e Bun­das.

A pro­vín­cia do Moxico dis­põe de apenas du­as re­par­ti­ções fis­cais, uma no Lu­e­na e ou­tra no mu­ni­cí­pio fron­tei­ri­ço do Lu­au, on­de se ve­ri­fi­ca um au­men­to do co­mér­cio de e para a Zâm­bia, em gran­de par­te de­vi­do ao trá­fe­go ge­ra­do pe­las ope­ra­ções do Ca­mi­nho-de-Fer­ro de Ben­gue­la.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.