OGE re­vis­to é vo­ta­do no dia 16

Jornal de Angola - - PARTADA -

A pro­pos­ta do Or­ça­men­to Ge­ral do Es­ta­do (OGE) re­vis­to pa­ra es­te ano vai à vo­ta­ção fi­nal no dia 16 des­te mês, se­gun­do de­ci­são saí­da da reu­nião da Co­mis­são Per­ma­nen­te da As­sem­bleia Na­ci­o­nal, re­a­li­za­da on­tem em Lu­an­da. Ori­en­ta­da pe­lo Pre­si­den­te da As­sem­bleia Na­ci­o­nal, Fer­nan­do da Pi­e­da­de Di­as dos San­tos, a reu­nião ser­viu tam­bém pa­ra os mem­bros da Co­mis­são Per­ma­nen­te de­li­be­ra­rem so­bre a con­vo­ca­ção da 6ª Ses­são Ple­ná­ria Ex­tra­or­di­ná­ria da 4ª ses­são le­gis­la­ti­va da III Le­gis­la­tu­ra do Par­la­men­to.

O Or­ça­men­to Ge­ral do Es­ta­do (OGE) re­vis­to pa­ra es­te ano vai a vo­ta­ção fi­nal no dia de 16 de Se­tem­bro, se­gun­do de­ci­são saí­da da reu­nião da co­mis­são Per­ma­nen­te da As­sem­bleia Na­ci­o­nal, re­a­li­za­da on­tem em Lu­an­da.

Ori­en­ta­da pe­lo Pre­si­den­te da As­sem­bleia Na­ci­o­nal, Fer­nan­do da Pi­e­da­de Di­as dos San­tos, a reu­nião ser­viu tam­bém pa­ra os mem­bros da co­mis­são per­ma­nen­te de­li­be­ra­rem so­bre a con­vo­ca­ção da 6ª Ses­são Ple­ná­ria Ex­tra­or­di­ná­ria da 4ª ses­são le­gis­la­ti­va da III Le­gis­la­tu­ra do Par­la­men­to.

De acor­do com a por­ta-voz da As­sem­bleia Na­ci­o­nal, Emí­lia Car­lo­ta Di­as, a agen­da foi apro­va­da por 26 vo­tos a fa­vor, ne­nhum con­tra e ne­nhu­ma abs­ten­ção. A pro­pos­ta de Lei de Re­vi­são do Or­ça­men­to Ge­ral do Es­ta­do (OGE) 2016 com­por­ta re­cei­tas es­ti­ma­das em 3.484,6 mil mi­lhões de kwan­zas, con­tra os 3.514,5 mil mi­lhões an­te­ri­o­res, e des­pe­sas fis­cais de 4.626,3 mil mi­lhões. No OGE em exe­cu­ção as des­pe­sas es­ta­vam fi­xa­das em 4.295,7 mil mi­lhões de kwan­zas.

O do­cu­men­to foi ela­bo­ra­do com o pre­ço ba­se de 40,9 dó­la­res por bar­ril de pe­tró­leo, con­tra os 45 ini­ci­al­men­te pre­vis­tos. O OGE em exer­cí­cio pre­vê um cres­ci­men­to na or­dem dos 3,3 por cen­to (1,5 por cen­to do sec­tor pe­tro­lí­fe­ro e 1,8 do não pe­tro­lí­fe­ro), um in­di­ca­dor que o pró­prio Exe­cu­ti­vo já ad­mi­tiu es­tar além das es­ti­ma­ti­vas.

Com a re­vi­são or­ça­men­tal, o Exe­cu­ti­vo pro­cu­ra ajus­tar os in­di­ca­do­res eco­nó­mi­cos à re­a­li­da­de e fa­zer fa­ce ao ce­ná­rio ma­cro­e­co­nó­mi­co, com ba­se nas ac­ções po­lí­ti­cas e es­tru­tu­rais im­ple­men­ta­das pa­ra fa­zer fa­ce à con­jun­tu­ra eco­nó­mi­ca glo­bal, mar­ca­da pe­la cri­se de pre­ços das ma­té­ri­as-pri­mas nos mer­ca­dos in­ter­na­ci­o­nais.

No cen­tro das aten­ções es­tão in­di­ca­do­res co­mo a me­ta de in­fla­ção, da dí­vi­da pú­bli­ca, do dé­fi­ce or­ça­men­tal e o pre­ço de re­fe­rên­cia do pe­tró­leo, que é o prin­ci­pal pro­du­to de ex­por­ta­ção e fon­te do­mi­nan­te das re­cei­tas fis­cais.

Ou­tro in­di­ca­dor que ge­ra al­gu­ma ex­pec­ta­ti­va é a ta­xa de cres­ci­men­to do PIB, de­vi­do ao con­tex­to eco­nó­mi­co e so­ci­al do país e o con­jun­to de me­di­das adop­ta­das pa­ra es­ba­ter os efei­tos da cri­se e re­es­tru­tu­rar a eco­no­mia na­ci­o­nal com o mí­ni­mo pos­sí­vel da in­fluên­cia do pe­tró­leo.

SAN­TOS PE­DRO

Pre­si­den­te da As­sem­bleia Na­ci­o­nal ori­en­tou o en­con­tro que pre­pa­rou a pró­xi­ma ses­são

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.