Ali Bon­go con­vi­da Ping pa­ra me­sa de con­ver­sa­ções

Jornal de Angola - - PARTADA -

O Pre­si­den­te do Gabão, Ali Bon­go On­dim­ba, ma­ni­fes­tou on­tem in­te­res­se em man­ter um diá­lo­go po­lí­ti­co fran­co e pro­du­ti­vo com a opo­si­ção, de­pois da va­li­da­ção da sua re­e­lei­ção por par­te da Cor­te Cons­ti­tu­ci­o­nal.

“Con­vo­co to­das as li­de­ran­ças po­lí­ti­cas, in­cluin­do os can­di­da­tos der­ro­ta­dos na elei­ção de 27 de Agos­to, pa­ra um diá­lo­go po­lí­ti­co fran­co e pro­du­ti­vo”, dis­se Ali Bon­go, num pro­nun­ci­a­men­to trans­mi­ti­do pe­la te­le­vi­são.

No fi­nal de Agos­to, o anún­cio da sua re­e­lei­ção de­fla­grou uma cri­se de vi­o­len­ta no país, com con­fron­tos e sa­ques en­tre seus apoi­an­tes e do can­di­da­to opo­si­tor, Je­an Ping.

O Tri­bu­nal Cons­ti­tu­ci­o­nal do Gabão va­li­dou, na ma­dru­ga­da de on­tem, a re­e­lei­ção do Pre­si­den­te Ali Bon­go On­dim­ba, não re­co­nhe­ci­da pe­la opo­si­ção.

Na sen­ten­ça, o tri­bu­nal mo­di­fi­cou par­ci­al­men­te os re­sul­ta­dos da elei­ção de 27 de Agos­to, mas res­sal­tou que Bon­go man­ti­nha a sua van­ta­gem e es­ta­va re­e­lei­to com 50,7 por cen­to dos vo­tos, con­tra 47,2 por cen­to do seu opo­nen­te e ex-mem­bro do go­ver­no, Je­an Ping.

O Tri­bu­nal in­de­fe­riu o pe­di­do de Ping, que rei­vin­di­ca­va a con­ta­gem dos vo­tos es­pe­ci­al­men­te na pro­vín­cia de Haut-Ogo­oué, on­de a mis­são de ob­ser­va­ção da União Eu­ro­peia ha­via de­tec­ta­do o que con­si­de­rou "uma evi­den­te ano­ma­lia", co­mo de­cla­rou na épo­ca a che­fe da de­le­ga­ção, Ma­riya Ga­bri­el.

Os dis­túr­bi­os que se se­gui­ram ao anún­cio da re­e­lei­ção de Bon­go le­vou o Con­se­lho de Se­gu­ran­ça das Nações Unidas a ma­ni­fes­tar a sua pro­fun­da pre­o­cu­pa­ção, en­quan­to o Pa­pa Fran­cis­co pe­diu o fim da vi­o­lên­cia e o res­pei­to da le­ga­li­da­de.

DR

Can­di­da­to Je­an Ping man­tém o si­lên­cio so­bre a pro­pos­ta avan­ça­da pe­lo Pre­si­den­te ga­bo­nês

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.