Do­min­gos To­más re­e­lei­to

Jornal de Angola - - DESPORTO -

O can­di­da­to da Lis­ta B, Do­min­gos Jo­sé To­más, foi re­e­lei­to on­tem, pre­si­den­te da As­so­ci­a­ção Pro­vin­ci­al de Fu­te­bol de Luanda (APFL), após ven­cer o seu opo­nen­te da lis­ta A, Gas­par de Abreu Ne­to, por seis vo­tos con­tra cin­co. O ac­to elei­to­ral, que con­tou com a par­ti­ci­pa­ção de 11 clu­bes, dos 12 pre­vis­tos (fal­tou o Ben­fi­ca de Luanda), foi ori­en­ta­do pe­lo pre­si­den­te da co­mis­são elei­to­ral, Ma­nu­el Or­de­nã, na pre­sen­ça da re­pre­sen­tan­te do Ga­bi­ne­te Pro­vin­ci­al da Ac­ção So­ci­al, Cul­tu­ra, Ju­ven­tu­de e Des­por­tos de Luanda, Gui­lher­mi­na Cruz.

Ti­ve­ram di­rei­to a vo­to os clu­bes 1.º de Agos­to, San­tos FC, Be­le­nen­ses FC, Es­cor­pião da San­ta Fé, Clu­be Es­co­la do Cur­tu­me, Clu­be Des­por­ti­vo Ro­do­viá­rio, Aca­dé­mi­ca So­ci­al Es­co­la do Zan­ga­do, Gi­ra Jo­vem FC, Des­por­ti­vo da Ter­ra No­va, Po­li­va­len­tes FC do Pa­lan­ca e In­ter­clu­be.

Es­te é o ter­cei­ro man­da­to do ven­ce­dor, que di­ri­ge a APFL des­de o ano de 2008. En­tre­tan­to, o can­di­da­to der­ro­ta­do, Gas­par de Abreu Ne­to, fe­li­ci­tou o seu ad­ver­sá­rio pe­la lis­ta B, Do­min­gos To­más pe­la vi­tó­ria de 5-6 du­ran­te o plei­to re­a­li­za­das on­tem, nes­ta ci­da­de.

Em de­cla­ra­ções à im­pren­sa no fi­nal do es­cru­tí­nio, re­a­li­za­do na se­de da APFL, o an­ti­go in­ter­na­ci­o­nal da Se­lec­ção Na­ci­o­nal, Pe­tro de Luanda e Sa­gra­da Es­pe­ran­ça da Lun­da Nor­te, ma­ni­fes­tou-se sa­tis­fei­to pe­la for­ma trans­pa­ren­te co­mo de­cor­reu o ac­to. ‘’É um exer­cí­cio de­mo­crá­ti­co, on­de ape­nas ti­nha de ha­ver um ven­ce­dor.

Por is­so, acei­to o re­sul­ta­do das eleições e que a lis­ta ad­ver­sá­ria sai­ba dar se­gui­men­to ao seu pro­gra­ma, ou me­lho­rar o que não foi fei­to du­ran­te os dois man­da­tos an­te­ri­o­res’’, in­di­cou.

Gas­par Ne­to cri­ti­cou os clu­bes que não exer­ce­ram o seu di­rei­to de vo­to, que con­si­de­ra fal­ta de or­ga­ni­za­ção e res­pei­to pe­lo fu­te­bol a ní­vel da pro­vín­cia de Luanda.

‘’Se qu­e­re­mos que o fu­te­bol, em par­ti­cu­lar, e o des­por­to no ge­ral a ní­vel de Luanda pro­gri­da, de­ve ha­ver união de to­dos e não ig­no­rar as ori­en­ta­ções bai­xa­das pe­lo Mi­nis­té­rio da Ju­ven­tu­de e Des­por­tos’’, re­al­çou. A pro­vín­cia de Luanda con­ta com 61 clu­bes, mas ape­nas 12 es­tão de­vi­da­men­te le­ga­li­za­dos pa­ra exer­ce­rem o di­rei­to de vo­to. Os res­tan­tes não po­dem vo­tar, por não te­rem re­no­va­do os man­da­tos dos seus ór­gãos so­ci­ais.

DO­MIN­GOS CADENCIA

Di­ri­gen­te me­re­ceu con­fi­an­ça dos só­ci­os

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.