Al­to Co­mis­sa­ri­a­do da ONU pre­o­cu­pa­do com re­fu­gi­a­dos

Jornal de Angola - - PARTADA -

O Al­to Co­mis­sa­ri­a­do das Na­ções Uni­das pa­ra os Re­fu­gi­a­dos (ACNUR) ma­ni­fes­tou in­qui­e­ta­ção com a si­tu­a­ção de qua­se 100.000 pes­so­as cer­ca­das na re­gião sul-su­da­ne­sa da pro­vín­cia de Yei, si­ti­a­da por for­ças do Go­ver­no.

“As for­ças do Go­ver­no cer­ca­ram e li­mi­tam o aces­so à ci­da­de de Yei, bem co­mo im­pe­dem que as pes­so­as aban­do­nem o lo­cal, sem dú­vi­da por­que sus­pei­tam que apoi­am os re­bel­des. É tu­do o que sei da si­tu­a­ção”, dis­se o por­ta-voz do ACNUR, Wil­li­am Spin­dler.

O Sudão do Sul con­quis­tou a In­de­pen­dên­cia em Ju­lho de 2011, após 25 anos de guer­ra ci­vil. Mas o país vol­tou a en­trar nu­ma no­va guer­ra ci­vil em De­zem­bro de 2013. O con­fli­to tam­bém tem uma com­po­nen­te ét­ni­ca e cau­sou de­ze­nas de mi­lha­res de mor­tes.

A pre­o­cu­pa­ção do Al­to Co­mis­sa­ri­a­do da Or­ga­ni­za­ção das Na­ções Uni­das pa­ra os Re­fu­gi­a­dos (ACNUR) foi ma­ni­fes­ta­da na sex­ta­fei­ra, em Ge­ne­bra, na Suí­ça.

A guer­ra no Sudão do Sul opõe as tro­pas do Pre­si­den­te Sal­va Ki­ir, da et­nia din­ka, com as do rebelde Ri­ek Ma­char, da et­nia nu­er.

To­das as par­tes en­vol­vi­das no con­fli­to po­lí­ti­co-mi­li­tar co­me­tem cri­mes de guer­ra e, além dis­so, qua­se cin­co mi­lhões de sul-su­da­ne­ses, ou se­ja, um ter­ço da po­pu­la­ção, en­fren­ta uma cri­se ali­men­tar sem pre­ce­den­tes, se­gun­do a ONU.

O nú­me­ro de re­fu­gi­a­dos do Sudão do Sul nos paí­ses vi­zi­nhos ul­tra­pas­sou um mi­lhão de pes­so­as, das quais 185 mil dei­xa­ram o país des­de o co­me­ço dos ac­tos de vi­o­lên­cia em Ju­lho, se­gun­do o ACNUR.

A mai­o­ria dos re­fu­gi­a­dos fo­ram pa­ra o Ugan­da, en­quan­to uma no­va va­ga di­ri­giu-se pa­ra o Oes­te da Etió­pia, pre­ci­sa o co­mu­ni­ca­do, in­di­can­do que ou­tros pre­fe­ri­ram par­tir pa­ra o Qué­nia, pa­ra a Re­pú­bli­ca De­mo­crá­ti­ca do Con­go e pa­ra a Re­pú­bli­ca Cen­tro Afri­ca­na.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.