Luís Kand­jim­bo in­cen­ti­va jo­vens

Jornal de Angola - - CULTURA -

O in­cen­ti­vo à in­ves­ti­ga­ção ci­en­tí­fi­ca no do­mí­nio da lín­gua por­tu­gue­sa foi de­fen­di­do on­tem, na ca­pi­tal an­go­la­na, pe­lo es­cri­tor Luís Kand­jim­bo, co­mo fac­tor mo­ti­va­dor pa­ra cri­a­do­res e lei­to­res.

Em de­cla­ra­ções à An­gop so­bre o es­ta­do da li­te­ra­tu­ra an­go­la­na, Luís Kand­jim­bo re­fe­riu ser ne­ces­sá­rio que as au­to­ri­da­des do país, so­bre­tu­do do sec­tor da Edu­ca­ção, cri­em con­di­ções pa­ra que se in­ves­ti­guem fe­nó­me­nos tí­pi­cos que ca­rac­te­ri­zam o uso da lín­gua por­tu­gue­sa em An­go­la.

O tam­bém do­cen­te acres­cen­ta que o pro­ble­ma não se­ria tão gra­ve se hou­ves­se cons­ci­ên­cia de que é ne­ces­sá­rio in­cen­ti­var a in­ves­ti­ga­ção ci­en­tí­fi­ca, no do­mí­nio da lin­guís­ti­ca, pa­ra se sa­ber se o que se fa­la em An­go­la não po­de ser com­pa­ra­do ao pa­drão eu­ro­peu. A re­for­ma, dis­se, edu­ca­ti­va, ini­ci­a­da nos anos 90 com fim em 2015, não de­via ser da­da por con­cluí­da, mas pros­se­guir, ten­do em con­ta que existe um mau do­mí­nio das lín­guas na­ci­o­nais e da por­tu­gue­sa.

O en­si­no do por­tu­guês es­tá em con­tac­to com as lín­guas ban­tu, por is­so a lín­gua no país não de­ve ser en­si­na­da co­mo em Por­tu­gal ou ou­tros paí­ses de ex­pres­são por­tu­gue­sa. Adi­an­tou que exis­tem tra­ba­lhos pu­bli­ca­dos que re­ve­lam ha­ver ne­ces­si­da­de de fa­zer-se um es­tu­do so­bre a va­ri­e­da­de an­go­la­na de por­tu­guês que existe con­si­de­ra­vel­men­te. Acon­se­lhou os jo­vens a ter mai­or do­mí­nio da lín­gua, por ser ins­tru­men­to pa­ra co­mu­ni­car com ou­tros, de mo­do a evi­tar que a vi­o­lên­cia lin­guís­ti­ca se ins­ta­le.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.