De­pu­ta­dos vi­si­tam obras nos mu­ni­cí­pi­os

Obras em cur­so es­tão a ga­ran­tir a me­lho­ria da qua­li­da­de de vi­da dos ci­da­dãos

Jornal de Angola - - PARTADA - VICTORINO JOAQUIM| MAIOMONA AR­TUR| Ca­xi­to e JAQUELINO FI­GUEI­RE­DO | Soyo

De­pu­ta­dos da ban­ca­da par­la­men­tar do MPLA des­do­bram­se em vi­si­tas a vá­ri­as lo­ca­li­da­des do ter­ri­tó­rio, pa­ra cons­ta­ta­rem os pro­gres­sos so­ci­ais e eco­nó­mi­cos nas di­fe­ren­tes re­giões do país. On­tem, um gru­po de de­pu­ta­dos do par­ti­do mai­o­ri­tá­rio con­cluiu , na pro­vín­cia do Ben­go, vi­si­tas a vá­ri­os pro­jec­tos so­ci­ais e eco­nó­mi­cos da re­gião. Nos seis mu­ni­cí­pi­os da pro­vín­cia, os de­pu­ta­dos ins­pec­ci­o­na­ram pro­jec­tos com im­pac­to na me­lho­ria das con­di­ções das fa­mí­li­as,co­mo o aces­so a água e ener­gia eléc­tri­ca, e a ha­bi­ta­ção con­dig­na.

De­pu­ta­dos da ban­ca­da par­la­men­tar do MPLA des­do­bram-se em vi­si­tas a vá­ri­as lo­ca­li­da­des do ter­ri­tó­rio, pa­ra cons­ta­ta­rem os pro­gres­sos so­ci­ais e eco­nó­mi­cos nas di­fe­ren­tes re­giões do país. On­tem, um gru­po de de­pu­ta­dos do par­ti­do mai­o­ri­tá­rio lcon­cluiu , na pro­vín­cia do Ben­go, vi­si­tas a vá­ri­os pro­jec­tos so­ci­ais e eco­nó­mi­cos da re­gião.

Nos seis mu­ni­cí­pi­os da pro­vín­cia, os de­pu­ta­dos ins­pec­ci­o­na­ram al­guns pro­jec­tos de im­pac­to so­ci­al em cur­so, que con­cor­rem pa­ra a me­lho­ria das con­di­ções de vi­da dos ci­da­dãos da re­gião.

Em de­cla­ra­ções à im­pren­sa, Lu­zia In­glês afir­mou que as vi­si­tas tam­bém vi­sam to­mar con­tac­to di­rec­to com o elei­to­ra­do. Lu­zia In­glês su­bli­nhou que as pri­o­ri­da­des pa­ra ga­ran­tir o bem-es­tar das po­pu­la­ções es­tão re­la­ci­o­na­das com pro­jec­tos pa­ra ga­ran­tir água po­tá­vel, ener­gia eléc­tri­ca e cons­tru­ção de ha­bi­ta­ções.

A de­pu­ta­da dis­se ter cons­ta­ta­do que a ní­vel da Pro­vín­cia do Ben­go, al­guns pro­jec­tos de âm­bi­to cen­tral en­con­tram-se pa­ra­li­sa­dos, sa­li­en­tan­do que com a re­vi­são do OGE es­ses pro­jec­tos po­dem co­nhe­cer no­va di­nâ­mi­ca. Lu­zia In­glês pe­diu pa­ci­ên­cia e com­pre­en­são à po­pu­la­ção, su­bli­nhan­do que di­fi­cul­da­des exis­tem em to­da a par­te do mun­do.

“Quan­do exis­te cri­se eco­nó­mi­ca em de­ter­mi­na­do país, a ten­dên­cia é exe­cu­tar os pro­jec­tos de mai­or im­pac­to”, re­fe­riu Lu­zia In­glês, que exor­tou os ci­da­dãos a ade­ri­rem ao pro­ces­so de ac­tu­a­li­za­ção do re­gis­to elei­to­ral. “No pró­xi­mo dia 28 co­me­ça a no­va fa­se do re­gis­to, pa­ra os que dei­xa­ram per­der os seus do­cu­men­tos”, dis­se. Lu­zia In­glês é co­or­de­na­do­ra do gru­po de acom­pa­nha­men­to dos de­pu­ta­dos do MPLA à pro­vín­cia do Ben­go.

Vi­si­ta ao Ki­lam­ba

O pre­si­den­te da Ban­ca­da Par­la­men­tar do MPLA, Vir­gí­lio de Fon­tes Pe­rei­ra, ava­li­ou, na sex­ta-fei­ra, as obras do Ins­ti­tu­to Ge­o­ló­gi­co de An­go­la (IGEO), afec­to ao Mi­nis­té­rio da Ge­o­lo­gia e Mi­nas (MGM), em exe­cu­ção na Cen­tra­li­da­de do Ki­lam­ba, no qua­dro das vi­si­tas que os de­pu­ta­dos do par­ti­do mai­o­ri­tá­rio efec­tu­am a vá­ri­os mu­ni­cí­pi­os do país. O di­rec­tor-ge­ral da ins­ti­tui­ção, Ma­ken­da Am­broi­se, in­for­mou, a pro­pó­si­to, que as obras co­me­ça­ram em 2013 e es­tão exe­cu­ta­das em mais de 90 por cen­to.

Con­cluí­dos já es­tão o edi­fí­ci­o­se­de, la­bo­ra­tó­rio de aná­li­ses, an­fi­te­a­tro, res­tau­ran­te e o gi­ná­sio.

No fi­nal da vi­si­ta, Vir­gí­lio de Fon­tes Pe­rei­ra dis­se à im­pren­sa, que o em­pre­en­di­men­to vai po­ten­ci­ar o sec­tor mi­nei­ro .“Es­te sec­tor é fun­da­men­tal pa­ra a di­ver­si­fi­ca­ção da nos­sa eco­no­mia", afir­mou, e ga­ran­tiu que o Exe­cu­ti­vo con­ti­nua a tra­ba­lhar pa­ra a sa­tis­fa­ção das ne­ces­si­da­des pre­men­tes dos ci­da­dãos. No mu­ni­cí­pio de Be­las, Vir­gí­lio de Fon­tes Pe­rei­ra con­vi­dou os mi­li­tan­tes, ami­gos e sim­pa­ti­zan­tes do par­ti­do a re­flec­ti­rem so­bre a im­por­tân­cia do re­gis­to elei­to­ral, e in­cen­ti­va­rem os ci­da­dãos me­nos es­cla­re­ci­dos a efec­tu­a­rem o re­gis­to.

Vir­gí­lio de Fon­tes Pe­rei­ra dis­se que só re­gis­ta­do o ci­da­dão po­de, em 2017, vo­tar e par­ti­ci­par nas de­ci­sões do país. Den­tro de di­as, dis­se, tem iní­cio o re­gis­to pre­sen­ci­al. Ape­lou, por is­so, à par­ti­ci­pa­ção mas­si­va dos ci­da­dãos no pro­ces­so.

Um to­tal de ses­sen­ta de­pu­ta­dos do MPLA di­vi­di­dos em gru­pos re­a­li­zam vi­si­tas à in­fra-es­tru­tu­ras eco­nó­mi­cas e so­ci­ais nas pro­vín­ci­as de Lu­an­da, Uí­ge, Hu­am­bo, Cu­ne­ne, Ca­bin­da e Cu­an­za Nor­te. Vir­gí­lio de Fon­tes Pe­rei­ra já vi­si­tou os dis­tri­tos da Sam­ba, In­gom­bo­ta, Ran­gel, Ca­zen­ga e Ca­ma­ma. Reu­niu com res­pon­sá­veis dos co­mi­tés do par­ti­do na Cen­tra­li­da­de do Ki­lam­ba, vi­si­tou o pos­to de trans­for­ma­ção de ener­gia eléc­tri­ca no bair­ro do Chim­bi­ca­to, co­mu­na da Ca­ma­ma, que há mais de 12 anos es­ta­va às es­cu­ras.

Lui­sa Da­mião no Zai­re

De­pu­ta­dos da ban­ca­da par­la­men­tar do MPLA tra­ba­lha­ram on­tem nas cir­cuns­cri­ções do Nze­to e do Soyo, on­de se in­tei­ra­ram do an­da­men­to de al­gu­mas obras de im­pac­to so­ci­al. A de­pu­ta­da Luí­sa Da­mião, que che­fia a de­le­ga­ção par­la­men­tar que efec­tua vi­si­tas de cons­ta­ta­ção em to­dos os mu­ni­cí­pi­os do Zai­re, dis­se que elas vi­sam cons­ta­tar, no ter­re­no, tu­do quan­to es­tá a ser fei­to pe­lo Exe­cu­ti­vo pa­ra fa­zer fa­ce a cri­se eco­nó­mi­ca que o país vi­ve.

“O ob­jec­ti­vo é cons­ta­tar­mos al­gu­mas obras so­ci­ais que es­tão a ser fei­tas pe­lo Exe­cu­ti­vo pa­ra sa­tis­fa­zer as ne­ces­si­da­des dos ci­da­dãos e es­ta é a quar­ta vi­si­ta que os de­pu­ta­dos da ban­ca­da par­la­men­tar do MPLA fa­zem pe­los 162 mu­ni­cí­pi­os de An­go­la, pa­ra cons- ta­ta­rem o que es­tá a ser fei­to”, dis­se Luí­sa Da­mião, pa­ra acres­cen­tar: “O país es­tá a vi­ver uma cri­se por cau­sa da bai­xa do pre­ço do pe­tró­leo no mer­ca­do in­ter­na­ci­o­nal e foi cri­a­da uma es­tra­té­gia pa­ra fa­zer fa­ce a es­ta cri­se.”

Luí­sa Da­mião, tam­bém co­or­de­na­do­ra do gru­po de acom­pa­nha­men­to à Pro­vín­cia do Zai­re, dis­se que os de­pu­ta­dos da ban­ca­da par­la­men­tar do MPLA, ao afe­ri­rem os pro­jec­tos em im­ple­men­ta­ção, mos­tra­ram-se sa­tis­fei­tos com o que es­tá a ser fei­to a ní­vel da pro­vín­cia.

“Fi­cá­mos bem im­pres­si­o­na­dos no mu­ni­cí­pio do Soyo, por­que vi­mos pro­jec­tos que or­gu­lham os an­go­la­nos, co­mo o ca­so do pro­jec­to An­go­la LNG e o Ci­clo Com­bi­na­do que vão im­pul­si­o­nar o de­sen­vol­vi­men­to in­dus­tri­al nes­ta re­gião. Pen­sa­mos que há tra­ba­lho, ape­sar da cri­se que se vi­ve”, re­co­nhe­ceu.

No ca­pí­tu­lo da agri­cul­tu­ra, a de­pu­ta­da dis­se ha­ver con­di­ções fa­vo­rá­veis pa­ra a prá­ti­ca da ac­ti­vi­da­de agrí­co­la, uma vez pos­suir ter­ras fér­teis e vá­ri­os ri­os, bem co­mo a exis­tên­cia de chu­vas, fac­to­res im­pres­cin­dí­veis pa­ra a di­ver­si­fi­ca­ção da eco­no­mia na­ci­o­nal.

A ní­vel do mu­ni­cí­pio do Nze­to, os de­pu­ta­dos mos­tra­ram-se sa­tis­fei­tos com o pro­jec­to de trans­for­ma­ção da água sal­ga­da em po­tá­vel pa­ra be­ne­fi­ci­ar as po­pu­la­ções lo­cais, bem co­mo a cons­tru­ção da pon­te-cais que vai aju­dar a co­mu­ni­da­de pis­ca­tó­ria na re­gião.

“Pen­sa­mos que, tan­to no Nze­to co­mo no Soyo, es­tão a ser re­a­li­za­das al­gu­mas obras que se po­dem in­se­rir já no âm­bi­to da di­ver­si­fi­ca­ção da eco­no­mia, por­que vi­mos pro­jec­tos agro­pe­cuá­ri­os no Nze­to que es­tão a pro­du­zir ovos, fu­ba de man­di­o­ca, hor­tí­co­las e não só, cu­jos pro­du­tos con­for­mam os programas di­ri­gi­dos”, dis­se Luí­sa Da­mião, que re­co­nhe­ceu que, a par dos pro­jec­tos, há ain­da al­gu­mas di­fi­cul­da­des no ca­pí­tu­lo so­ci­al na re­gião que de­vem ser su­pe­ra­das com a con­tri­bui­ção de to­dos os an­go­la­nos.

“Exis­tem ain­da al­gu­mas di­fi­cul­da­des no âm­bi­to da cir­cu­la­ção de pes­so­as e bens en­tre o mu­ni­cí­pio do Soyo e o res­to da Pro­vín­cia do Zai­re, bem co­mo com o país, uma vez que o tro­ço en­tre Nze­to e o Soyo ain­da es­tá em cons­tru­ção, mas acre­di­to em di­as me­lho­res”, dis­se Luí­sa Da­mião, que con­cluiu: “Há ain­da al­gu­mas di­fi­cul­da­des, mas es­tá a tra­ba­lhar- se no sen­ti­do de su­pe­rá-las, o im­por­tan­te é nós en­con­trar­mos as so­lu­ções pa­ra re­sol­ver os pro­ble­mas e há es­sa von­ta­de das ins­ti­tui­ções e dos mu­ní­ci­pes.”

CONTREIRAS PI­PA

De­pu­ta­dos da ban­ca­da par­la­men­trar do par­ti­do mai­o­ri­tá­rio des­do­bram-se em vá­ri­as vi­si­tas pe­lo país pa­ra cons­ta­tar os pro­gres­sos nos pro­jec­tos de im­pac­to so­ci­al

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.