Ca­ma­cu­pa au­men­ta a pro­du­ção

CUL­TI­VO DE AR­ROZ COM BONS RE­SUL­TA­DOS Ob­jec­ti­vo é ga­ran­tir a au­to-su­fi­ci­ên­cia ali­men­tar na re­gião

Jornal de Angola - - PROVÍNCIAS - DEL­FI­NA VIC­TO­RI­NO |

A cul­tu­ra de ar­roz na co­mu­na de Rin­go­ma, nu­ma área de du­zen­tos hec­ta­res, a 30 qui­ló­me­tros do mu­ni­cí­pio de Ca­ma­cu­pa, apre­sen­ta fru­tos sa­tis­fa­tó­ri­os, afir­mou on­tem, na lo­ca­li­da­de, o vi­ce-go­ver­na­dor pa­ra Área Téc­ni­ca e In­fra-es­tru­tu­ras do Bié.

Jo­sé Fer­nan­do Tcha­tu­ve­la afir­mou que a in­ten­ção é cri­ar mais es­pa­ços pa­ra o cul­ti­vo do ar­roz na pro­vín­cia pa­ra se al­can­çar uma au­to-su­fi­ci­ên­cia pa­ra o con­su­mo in­ter­no e o ex­ce­den­te pa­ra a ex­por­ta­ção.

O vi­ce-go­ver­na­dor pro­vin­ci­al afir­mou que o ar­roz pro­du­zi­do na co­mu­na de Rin­go­ma já é vi­sí­vel nas de­mais lo­ca­li­da­des do ter­ri­tó­rio na­ci­o­nal in­cluin­do nos paí­ses vi­zi­nhos que fa­zem fron­tei­ra com An­go­la.

Jo­sé Fer­nan­do Tcha­tu­ve­la ga­ran­tiu que os mei­os téc­ni­cos de des­cas­ques de ar­roz cons­ti­tu­em a prin­ci­pal apos­ta do Go­ver­no lo­cal e “tu­do es­tá a ser fei­to pa­ra a aqui­si­ção do re­fe­ri­do equi­pa­men­to que vai in­cen­ti­var mais a pro­du­ção des­te ce­re­al nes­ta re­gião”.

O vi­ce-go­ver­na­dor re­ce­beu a ga­ran­tia dos agri­cul­to­res do Cu­em­ba, Cuito e Chi­tem­bo, mu­ni­cí­pi­os cul­tu­ral­men­te pro­du­to­res de ar­roz, do in­cre­men­to dos ní­veis de pro­du­ção, com o au­men­to da ex­ten­são das zo­nas de la­vou­ra.

Qu­an­to aos equi­pa­men­tos ou mei­os téc­ni­cos, Jo­sé Fer­nan­do Tcha­tu­ve­la as­se­gu­rou que o Go­ver­no Pro­vin­ci­al do Bié con­tra­tou uma em­pre­sa pa­ra fa­zer a mon­ta­gem de pe­que­nos des­cas­ques nos mu­ni­cí­pi­os com ca­rac­te­rís­ti­cas de pro­du­ção de ar­roz, en­quan­to se aguar­da por so­lu­ções mais efi­ci­en­tes. “É im­pe­ri­o­sa a mon­ta­gem de des­cas­que de ar­roz, pois, a co­mer­ci­a­li­za­ção do ar­roz com cas­ca tem um cus­to re­du­zi­do na re­ten­ção dos va­lo­res in­ves­ti­dos, po­den­do não sa­tis­fa­zer as des­pe­sas fi­nan­cei­ras e por sua vez de­sin­cen­ti­var os agri­cul­to­res”, dis­se o vi­ce-go­ver­na­dor pa­ra Área Téc­ni­ca e In­fra-es­tru­tu­ras do Bié.

Em re­la­ção à apos­ta da co­mer­ci­a­li­za­ção do ar­roz já des­cas­ca­do, Jo­sé Fer­nan­do Tcha­tu­ve­la enu­me­rou vá­ri­as van­ta­gens, de en­tre elas, a qua­li­da­de do pro­du­to e a ob­ten­ção dos va­lo­res in­ves­ti­dos na pro­du­ção.

Ou­tra van­ta­gem da pro­du­ção de ar­roz, dis­se Jo­sé Fer­nan­do Tcha­tu­ve­la, é o fac­to de mui­tos jo­vens en­con­tra­rem nes­te sec­tor o pri­mei­ro pos­to de tra­ba­lho.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.