Fe­de­ra­ção es­cla­re­ce a si­tu­a­ção

AFRI­CA­NO SÉNIOR FEMININO DE ANDEBOL Elen­co de Pedro Go­di­nho fa­la so­bre es­ta­do da or­ga­ni­za­ção

Jornal de Angola - - DESPORTO - TERESA LUÍS |

A Fe­de­ra­ção An­go­la­na de Andebol (Fa­and) apre­sen­ta o es­ta­do de pre­pa­ra­ção da 22ª edição do Cam­pe­o­na­to Afri­ca­no das Na­ções (CAN) em andebol sénior feminino, em con­fe­rên­cia de im­pren­sa, a re­a­li­zar-se, ho­je às 16h00, na Ga­le­ria dos Des­por­tos, lo­ca­li­za­da no Com­ple­xo da Ci­da­de­la Des­por­ti­va.

O CAN dis­pu­ta-se em Lu­an­da, de 27 do cor­ren­te a 8 de De­zem­bro, sen­do o pri­mei­ro dia mar­ca­do pa­ra a che­ga­da das se­lec­ções e o se­gun­do pa­ra o re­gres­so. On­tem, a di­rec­ção da Fa­and fez a apre­sen­ta­ção pú­bli­ca do es­ta­do or­ga­ni­za­ci­o­nal da pro­va aos par­cei­ros.

Pedro Go­di­nho, pre­si­den­te da Fa­and, ex­pli­cou que os prin­ci­pais itens de or­ga­ni­za­ção já fo­ram cum­pri­dos. “Te­mos o va­lor ne­ces­sá­rio pa­ra pa­gar o cus­to de alo­ja­men­to dos cer­ca de 250 atle­tas que par­ti­ci­pam na pro­va. Por via do go­ver­na­dor de Lu­an­da, con­se­gui­mos uma par­ce­ria com o ho­tel Vi­tó­ria Gar­den, que vai aco­lher os ofi­ci­ais da Con­fe­de­ra­ção Afri­ca­na. Atra­vés da An­go Re­al, con­ta­mos com uma li­nha de au­to­car­ros. Te­mos tam­bém par­ce­ria com a Re­fri­an­go, que nos vai for­ne­cer to­da a água pa­ra a com­pe­ti­ção”, dis­se.

O di­ri­gen­te fe­de­ra­ti­vo afir­mou que ain­da há as­pec­tos que pre­ci­sam de ser sal­va­guar­da­dos: “na­tu­ral­men­te, uma or­ga­ni­za­ção des­te gé­ne­ro tem ou­tros cus­tos. Pre­ci­sa­mos de gui­as, in­tér­pre­tes e acom­pa­nhan­tes. Ain­da que as pes­so­as tra­ba­lhem de for­ma vo­lun­tá­ria, pre­ci­sam de ser ali­men­ta­das, trans­por­te e co­mu­ni­ca­ção.” A par­tir do dia 10, co­me­ça o pro­ces­so de cre­den­ci­a­men­to da Po­lí­cia Na­ci­o­nal, jor­na­lis­tas e de vo­lun­tá­ri­os. De­pois do dia 20, o pro­ces­so fi­ca res­tri­to às de­le­ga­ções e ofi­ci­as da con­fe­de­ra­ção, pa­ra, di­a­ri­a­men­te, se dar cor­po às di­fe­ren­tes ac­ções, com vis­ta a uma boa or­ga­ni­za­ção. A par­tir de ho­je, a di­rec­ção da fe­de­ra­ção pas­sa a fun­ci­o­nar den­tro no pa­vi­lhão mul­tiu­sos do Ki­lam­ba. O cam­pe­o­na­to con­ta com a par­ti­ci­pa­ção de dez paí­ses di­vi­di­dos em dois gru­pos. O sor­teio re­a­li­za­do no mês de Ju­nho co­lo­cou An­go­la a en­ca­be­çar o Gru­po A, ao la­do do Con­go De­mo­crá­ti­co, Ca­ma­rões, Se­ne­gal e Costa do Mar­fim. A Tu­ní­sia (cam­peã afri­ca­na) é ca­be­ça da sé­rie B, com as su­as si­mi­la­res da Ar­gé­lia, Con­go Braz­za­vil­le, Gui­né Co­na­cri e Egip­to. A Se­lec­ção Na­ci­o­nal dis­pu­ta o CAN com o ob­jec­ti­vo de res­ga­tar o tí­tu­lo per­di­do em 2014, em Ar­gel. O “se­te” an­go­la­no co­me­ça a pro­jec­tar a pro­va, a par­tir do dia 6 em Gaia, Por­tu­gal.

JO­SÉ SOARES

Se­lec­ção Na­ci­o­nal pre­ten­de ti­rar par­ti­do do fac­tor ca­sa pa­ra res­ga­tar a Ta­ça das Na­ções

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.