Ma­rio Ba­lo­tel­li dei­xa pro­mes­sa

Jornal de Angola - - DESPORTO -

A ti­ra­da, meio a sé­rio, meio a brin­car, foi di­ta nu­ma en­tre­vis­ta ao ca­nal ita­li­a­no Me­di­a­set Pre­mium.

O avan­ça­do sa­li­en­tou, con­tu­do, que es­se ain­da é um ob­jec­ti­vo lon­gín­quo. “O ca­mi­nho ain­da é lon­go até po­der­mos ga­nhar o tí­tu­lo. Mas acho que pi­lo­ta­ria um he­li­cóp­te­ro so­bre os céus da ci­da­de”, pro­me­teu.

Res­ta sa­ber se al­guém se aven­tu­ra a acom­pa­nhar o ita­li­a­no na vi­a­gem. Nes­ta al­tu­ra, o Ni­ce li­de­ra a Li­ga fran­ce­sa, com mais três pon­tos do que a du­pla PSG e pe­lo Mó­na­co de Le­o­nar­do Jar­dim.

Mas Ba­lo­tel­li não é con­vo­ca­do pa­ra a se­lec­ção ita­li­a­na des­de 2014 e se­gun­do o se­lec­ci­o­na­dor na­ci­o­nal, Gi­am­pe­ro Ven­tu­ra, o avan­ça­do não en­tra­rá nas op­ções en­quan­to não me­lho­rar o com­por­ta­men­to. Ain­da as­sim, o jo­ga­dor acre­di­ta que tu­do se de­ve à for­ma fí­si­ca.

“Se es­ti­ver em for­ma pos­so jo­gar em qual­quer la­do, não im­por­ta a equi­pa. Mas se não sou con­vo­ca­do pa­ra a se­lec­ção é por­que te­nho de fa­zer mais”, dis­se Ba­lo­tel­li.

As­sim, res­ta-lhe ver os jo­gos no so­fá: “Ve­jo os jo­gos co­mo um adep­to. Se o se­lec­ci­o­na­dor acha que não es­tou pre­pa­ra­do, não há pro­ble­ma. Ele te­rá os mo­ti­vos de­le. Ha­ve­rá jo­ga­do­res em me­lhor for­ma do que eu e por is­so acho que se­rei con­vo­ca­do quan­do me­re­cer.”

DR

Avan­ça­do iro­ni­za au­sên­cia da se­lec­ção

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.