ASA apa­dri­nha es­treia da Ma­ri­nha

Jornal de Angola - - DESPORTO - ANAXIMANDRO MAGALHÃES |

ASA e Ma­ri­nha de Guer­ra An­go­la­na cen­tra­li­zam ho­je às 16h00, no Pa­vi­lhão Ane­xo II da Ci­da­de­la Des­por­ti­va, as aten­ções da se­gun­da jornada da fa­se re­gu­lar da 39ª edição do Cam­pe­o­na­to Na­ci­o­nal sé­ni­or mas­cu­li­no de bas­que­te­bol, BIC-Basket.

À mes­ma ho­ra, a Uni­ver­si­da­de Lu­sía­da me­de for­ças com o Pro­gres­so Sam­bi­zan­ga, no Pa­vi­lhão 28 de Fe­ve­rei­ro. Às 18h30, ain­da no re­cin­to dos po­lí­ci­as, o Vi­la Clo­til­de de­fron­ta o In­ter­clu­be.

O Pe­tro de Luanda-Re­cre­a­ti­vo do Li­bo­lo, jo­go de des­ta­que da jornada, es­tá adi­a­do sem da­ta, pe­lo fac­to dos ca­lu­len­ses es­ta­rem em Es­pa­nha a es­ta­gi­ar, vi­san­do a pre­sen­ça na Ta­ça dos Clu­bes Cam­peões Afri­ca­nos, de 7 a 17 de De­zem­bro, na ci­da­de do Cai­ro, Egip­to.

Por for­ça de ca­len­dá­rio, o 1º de Agos­to fol­ga de­vi­do à de­sis­tên­cia do Spor­ting de Ben­gue­la, equi­pa que anun­ci­ou a re­ti­ra­da da pro­va por não dis­por de con­di­ções hu­ma­nas e lo­gís­ti­cas pa­ra su­por­tar as exi­gên­ci­as do na­ci­o­nal mai­or da bo­la ao ces­to.

Es­ta noi­te, con­tra­ri­a­men­te ao ASA que foi der­ro­ta­do na es­treia de mo­do es­cla­re­ce­dor, por 57-82, a Ma­ri­nha dis­pu­ta o pri­mei­ro jo­go no BIC-Basket. Co­me­çar com vi­tó­ria é o de­se­jo do técnico Paulo Ma­ce­do e pu­pi­los, ao pas­so que apa­gar a pá­li­da ima­gem de­mons­tra­da na par­ti­da fren­te aos po­lí­ci­as é ob­jec­ti­vo as­su­mi­do por Car­los Di­nis e seus jo­ga­do­res.

As par­ti­das re­nhi­das pro­por­ci­o­na­das por am­bas na tem­po­ra­da pas­sa­da aca­len­tam es­pe­ran­ças de ho­je as equi­pas vol­ta­rem a exi­bir-se ao seu me­lhor ní­vel, em­bo­ra ain­da es­te­jam mui­to dis­tan­tes da for­ma des­por­ti­va ide­al, vis­to que es­se vai ser ape­nas o se­gun­do jo­go ofi­ci­al. Re­par­ti­das as pos­si­bi­li­da­des de triun­fo, ga­nhar e so­mar os dois pon­tos é a fi­na­li­da­de de ma­ri­nhei­ros e avi­a­do­res. Der­ro­ta­do por 10 pon­tos de di­fe­ren­ça fren­te ao 1º de Agos­to, 73-83, o Pro­gres­so mol­da­do ago­ra por Al­ber­to de Carvalho “Gin­gu­ba” che­ga ao du­e­lo di­an­te da Lu­sía­da com o es­ta­tu­to de can­di­da­to.

Mo­ra­li­za­da pe­lo equi­lí­brio do re­sul­ta­do fren­te aos mi­li­ta­res, a for­ma­ção do Sam­bi­zan­ga tem con­di­ções pa­ra na abor­da­gem di­rec­ta bap­ti­zar os uni­ver­si­tá­ri­os às or­dens de Raul Du­ar­te com der­ro­ta. Evi­tar o per­cal­ço é o de­se­jo dos aca­dé­mi­cos.

De­sis­tên­cia dos leões

O Spor­ting de Ben­gue­la ale­gou fal­ta de re­cur­sos hu­ma­nos e con­di­ções lo­gís­ti­cas na jus­ti­fi­ca­ção de de­sis­tên­cia que re­duz pa­ra no­ve o nú­me­ro de equi­pas no cam­pe­o­na­to, re­su­min­do a dis­pu­ta do BIC-Basket às pro­vín­ci­as de Luanda e Cu­an­za Sul. Dos 10 clu­bes ini­ci­al­men­te ins­cri­tos, oi­to são da ca­pi­tal, 1º de Agos­to (cam­peão em tí­tu­lo), Pe­tro de Luanda, In­ter­clu­be, ASA, Vi­la Clo­til­de, Pro­gres­so Sam­bi­zan­ga, Ma­ri­nha de Guer­ra An­go­la­na e Uni­ver­si­da­de Lu­sía­da, ao pas­so que o Re­cre­a­ti­vo do Li­bo­lo re­pre­sen­ta o Cu­an­za Sul. Os leões fo­ram du­ran­te anos a úni­ca equi­pa das ter­ras das acá­ci­as ru­bras.

Re­pes­ca­do pa­ra subs­ti­tuir a Ca­sa do Pes­so­al do Por­to do Lo­bi­to, se­gun­da clas­si­fi­ca­da do Cam­pe­o­na­to Na­ci­o­nal da II di­vi­são, au­sen­te por não dis­por de con­di­ções fi­nan­cei­ras, o Spor­ting anun­ci­ou a re­ti­ra­da na voz do seu pre­si­den­te, Car­los Car­do­so: “Foi uma de­ci­são to­ma­da após reu­nião en­tre mem­bros di­rec­ti­vos e equi­pa téc­ni­ca. Con­cluí­mos não ha­ver con­di­ções pa­ra em 10 di­as pre­pa­rar­mos uma equi­pa pa­ra uma com­pe­ti­ção dig­na e mui­to bem re­co­nhe­ci­da a ní­vel in­ter­na­ci­o­nal, co­mo é o BIC Basket”, dis­se.

“O Spor­ting e a sua di­rec­ção ha­bi­tu­a­ram e de­ram mos­tras a to­da a gen­te de ser uma equi­pa ven­ce­do­ra. Eu não sou per­de­dor, sou ven­ce­dor, na vi­da sem­pre fui as­sim e ja­mais acei­ta­ria o Spor­ting par­ti­ci­par pa­ra ser um bom­bo da fes­ta”, ar­gu­men­tou o pre­si­den­te.

Por sua vez, o pre­si­den­te da Fe­de­ra­ção An­go­la­na de Bas­que­te­bol (FAB) la­men­tou o fac­to, mas mos­trou-se se­re­no quan­to à dis­pu­ta sem so­bres­sal­tos do cam­pe­o­na­to. A au­sên­cia de uma equi­pa im­pli­ca o des­can­so de uma a ca­da jornada.

KINDALA MA­NU­EL

Avi­a­do­res são fa­vo­ri­tos à con­quis­ta dos dois pon­tos ho­je à noi­te no Pa­vi­lhão Ane­xo II da Ci­da­de­la di­an­te dos ma­ri­nhei­ros de Ma­ce­do

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.