An­tó­nio Gu­ter­res de vi­si­ta à Rús­sia

Jornal de Angola - - PARTADA -

O se­cre­tá­rio-ge­ral elei­to da ONU, An­tó­nio Gu­ter­res, vai reu­nir-se com o che­fe da di­plo­ma­cia rus­sa, Ser­guei La­vrov, na quin­ta­fei­ra em Mos­co­vo, anun­ci­ou o Mi­nis­té­rio dos Ne­gó­ci­os Es­tran­gei­ros da Rús­sia.

“Vai ser da­da pri­o­ri­da­de à di­fí­cil si­tu­a­ção mun­di­al e à re­so­lu­ção das gra­ves cri­ses re­gi­o­nais, a mais importante das quais é a Sí­ria”, dis­se o vi­ce-mi­nis­tro dos Ne­gó­ci­os Es­tran­gei­ros, Gu­en­na­di Ga­ti­lov, à im­pren­sa rus­sa.

A Rús­sia, que con­si­de­rou a es­co­lha do ex-pri­mei­ro-mi­nis­tro por­tu­guês co­mo “pos­si­vel­men­te a me­lhor” de­ci­são do Con­se­lho de Se­gu­ran­ça da ONU nos úl­ti­mos cin­co anos, es­pe­ra, se­gun­do o mes­mo res­pon­sá­vel, ou­vir de Gu­ter­res a sua vi­são so­bre o fu­tu­ro da ONU.

“Te­mos gran­des es­pe­ran­ças de que Gu­ter­res exer­ça o car­go co­mo um po­lí­ti­co ma­du­ro e ca­paz de ter em con­ta os in­te­res­ses dos prin­ci­pais gru­pos e paí­ses mem­bros”, dis­se o vi­ce-mi­nis­tro, su­bli­nhan­do que “não é uma ta­re­fa fá­cil”, mas cor­res­pon­de pre­ci­sa­men­te à fun­ção do se­cre­tá­rio-ge­ral: “En­con­trar um de­no­mi­na­dor co­mum en­tre as po­si­ções dos di­fe­ren­tes paí­ses”. Ga­ti­lov pros­se­guiu afir­man­do que An­tó­nio Gu­ter­res tem ex­pe­ri­ên­cia e de­mons­trou uma “pos­tu­ra equi­li­bra­da” nas an­te­ri­o­res fun­ções, de Al­to-Co­mis­sá­rio da ONU pa­ra os Re­fu­gi­a­dos (ACNUR).

AFP

Se­cre­tá­rio-ge­ral elei­to das Na­ções Uni­das é aguar­da­do quin­ta-fei­ra em Mos­co­vo

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.