Emis­sões de ga­ses au­men­tam

Jornal de Angola - - SOCIEDADE -

As emis­sões mun­di­ais de ga­ses que pro­vo­cam o efei­to de es­tu­fa de­vem re­gis­tar au­men­to em 2017, após três anos de cer­ta es­ta­bi­li­da­de, re­ve­la um es­tu­do apre­sen­ta­do on­tem e que de­mons­tra a im­por­tân­cia da 23ª Con­fe­rên­cia do Cli­ma da ONU (COP23), que acon­te­ce até sex­ta-fei­ra, na Ale­ma­nha.

As emis­sões de CO2 li­ga­das à in­dús­tria e à com­bus­tão de ener­gi­as fós­seis de­vem au­men­tar dois por cen­to es­te ano, em com­pa­ra­ção com 2016 (en­tre 0,8 por cen­to e 2,9 por cen­to) e al­can­çar o re­cor­de de 36,8 mil mi­lhões de to­ne­la­das, de­pois de uma es­ta­bi­li­da­de en­tre 2014 e 2016, des­ta­ca o Glo­bal Car­bon Pro­ject, no seu 12º. ba­lan­ço anu­al.

"O mun­do não atin­giu o 'pi­co' de emis­sões", apon­ta o es­tu­do, pu­bli­ca­do nas re­vis­tas Na­tu­re Climate Change, En­vi­ron­men­tal Re­se­ar­ch Let­ters e Earth Sys­tem Sci­en­ce Da­ta.

LUDOVIC MARIN | AFP

Mun­do con­ti­nua pre­o­cu­pa­do com as mu­dan­ças cli­má­ti­cas

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.