Fal­so agen­te da Po­lí­cia de­ti­do na Via Ex­pres­so

Jornal de Angola - - PRIMEIRA PÁGINA - An­dré da Cos­ta

Um jo­vem de 34 anos, que se fa­zia pas­sar por agen­te da Po­lí­cia Na­ci­o­nal, foi de­ti­do, sex­ta-fei­ra, em Lu­an­da, pe­la Bri­ga­da Es­pe­ci­al de Trân­si­to (BET), quan­do con­du­zia, na via Ex­pres­so sem carta uma vi­a­tu­ra dis­se, on­tem, o Jor­nal

de An­go­la do por­ta-voz da BET. O su­bins­pec­tor João Pe­rei­ra in­for­mou que o in­di­ví­duo foi de­ti­do de­pois de lhe ter si­do pe­di­da a do­cu­men­ta­ção da vi­a­tu­ra e a res­pec­ti­va carta de condução.

Ao pe­di­do do agen­te que o abor­dou, o jo­vem res­pon­deu com a en­tre­ga de um pas­se da Po­lí­cia Na­ci­o­nal, que diz ser se­gun­do sub­che­fe da cor­po­ra­ção.

Des­con­fi­a­do, o agen­te da Bri­ga­da Es­pe­ci­al de Trân­si­to fez vá­ri­as per­gun­tas ao in­di­ví­duo, que, por não o ter con­ven­ci­do, aca­bou por con­fes­sar que o pas­se da Po­lí­cia Na­ci­o­nal era fal­so.

O fal­so agen­te da Po­lí­cia Na­ci­o­nal dis­se ser me­câ­ni­co de pro­fis­são e re­si­den­te no bair­ro Ca­op C, mu­ni­cí­pio de Vi­a­na, on­de vi­ve com a mu­lher e cin­co fi­lhos.

O jo­vem re­ve­lou que tra­tou do do­cu­men­to, em 2017, no “Pau Gran­de”, mu­ni­cí­pio do Ca­zen­ga, área co­nhe­ci­da das au­to­ri­da­des po­li­ci­ais por ser o sus­ten­tá­cu­lo de uma re­de de fal­si­fi­ca­do­res de do­cu­men­tos.

O fal­so agen­te da Po­lí­cia re­cor­reu ao “Pau Gran­de” pa­ra ob­ter ile­gal­men­te uma carta de condução, do­cu­men­to que, no dia em que foi ao lo­cal, não es­ta­va a ser fa­bri­ca­do por­que os fal­si­fi­ca­do­res com quem ne­go­ci­ou não ti­nham ma­te­ri­al pa­ra o efei­to.

Foi as­sim que lhe foi apre­sen­ta­da uma pro­pos­ta, que era sair do “Pau Gran­de” com um do­cu­men­to da Po­lí­cia que o iden­ti­fi­ca­va co­mo se­gun­do sub­che­fe da cor­po­ra­ção.

Meia ho­ra foi o tem­po que aguar­dou pe­lo fal­so do­cu­men­to, pa­ra cu­ja ob­ten­ção en­tre­gou uma fo­to­gra­fia e uma fo­to­có­pia de iden­ti­da­de, além do va­lor acor­da­do.

O por­ta-voz João Pe­rei­ra dis­se que o fal­so agen­te da Po­lí­cia ale­gou que, des­de que tra­tou o do­cu­men­to, nun­ca che­gou a fa­zer uso, mas, na sex­ta-fei­ra, por ter si­do in­ter­pe­la­do por um agen­te da BET, exi­biu o do­cu­men­to pe­la pri­mei­ra vez.

Até on­tem, a Bri­ga­da Es­pe­ci­al de Trân­si­to não ti­nha ne­nhu­ma in­for­ma­ção a res­pei­to da ti­tu­la­ri­da­de da vi­a­tu­ra que era con­du­zi­da pe­lo fal­so Po­lí­cia, por es­te ter si­do de­ti­do sem a do­cu­men­ta­ção do veí­cu­lo.O por­ta-voz da Bri­ga­da Es­pe­ci­al de Trân­si­to re­ve­lou ser o ter­cei­ro fal­so po­lí­cia de­tec­ta­do pe­la BET em me­nos de dois anos.

DR

O fal­so po­lí­cia é me­câ­ni­co

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.