Ape­nas me­nos de 10% da po­pu­la­ção de­sen­vol­ve an­ti­cor­pos con­tra a do­en­ça

Jornal de Angola - - Destaque -

A di­rec­to­ra téc­ni­ca da Or­ga­ni­za­ção Mun­di­al da Saú­de (OMS) pa­ra a ela­bo­ra­ção do es­tu­do da Covid-19, Ma­ria Van Kerkho­ve, es­cla­re­ceu on­tem, ci­ta­da pe­la agên­cia no­ti­ci­o­sa Efe, que exis­tem cen­te­nas de es­tu­dos de so­ro­pre­va­lên­cia com re­sul­ta­dos mui­to di­fe­ren­tes e que, “por is­so, é di­fí­cil che­gar a con­clu­sões ca­te­gó­ri­cas, mas, em prin­cí­pio, mos­tram que mais de 90% dos in­di­ví­du­os per­ma­ne­cem li­vres de an­ti­cor­pos”.

“Ana­li­san­do es­tes ca­sos co­lec­ti­va­men­te, pa­re­ce que me­nos de 10% das pes­so­as mos­tram evi­dên­ci­as de te­rem si­do in­fec­ta­das. En­tão, a mai­o­ria do mun­do ain­da é sus­cep­tí­vel e to­dos os ti­pos de ac­ções con­ti­nu­am a ser apli­ca­das pa­ra pre­ve­nir o con­tá­gio”, res­pon­deu a es­pe­ci­a­lis­ta, nu­ma ron­da de per­gun­tas de in­ter­nau­tas nas re­des so­ci­ais.

A es­pe­ci­a­lis­ta nor­te-ame­ri­ca­na es­cla­re­ceu que, em al­guns es­tu­dos com tra­ba­lha­do­res da saú­de, fo­ram de­tec­ta­dos per­cen­tu­ais mais ele­va­dos de pes­so­as com an­ti­cor­pos, en­tre 20% e 25%, e em al­gu­mas áre­as es­pe­cí­fi­cas, co­mo por exem­plo nos su­búr­bi­os de al­guns paí­ses, fo­ram ob­ti­das so­ro­pre­va­lên­ci­as su­pe­ri­o­res a 40%.

Van Kerkho­ve tam­bém in­di­cou que exis­tem re­sul­ta­dos di­fe­ren­tes nos tes­tes de me­di­ção da re­sis­tên­cia des­ses an­ti­cor­pos, uma vez que al­gu­mas in­ves­ti­ga­ções mos­tram que a sua efi­cá­cia con­tra o ví­rus di­mi­nui após um cer­to tem­po, en­quan­to ou­tras in­di­cam que não va­ria.

“Em qu­al­quer ca­so, com ou­tros co­ro­na­ví­rus que cau­sam cons­ti­pa­ções, SARS ou MERS, es­tá pro­va­do que os an­ti­cor­pos não são per­ma­nen­tes. Is­so tam­bém po­de ocor­rer com a Covid-19”, con­cluiu a es­pe­ci­a­lis­ta.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.