Cres­ce o nú­me­ro de fa­mí­li­as en­di­vi­da­das no Bra­sil

Correio da Bahia - - Economia -

INA­DIM­PLÊN­CIA As fa­mí­li­as bra­si­lei­ras es­tão mais en­di­vi­da­das em se­tem­bro que no mês an­te­ri­or. A Pes­qui­sa de En­di­vi­da­men­to e Ina­dim­plên­cia do Con­su­mi­dor (Peic), re­a­li­za­da pe­la Con­fe­de­ra­ção Na­ci­o­nal do Co­mér­cio (CNC), mos­tra que 58,2% das fa­mí­li­as bra­si­lei­ras es­tão en­di­vi­da­das, re­sul­ta­do su­pe­ri­or ao de agos­to (58%), po­rém, in­fe­ri­or ao re­gis­tra­do em igual mês de 2015, de 63,5%. “A re­tra­ção do con­su­mo, em vir­tu­de da per­sis­tên­cia da in­fla­ção e da con­tra­ção da ren­da, além do ele­va­do cus­to do cré­di­to, ex­pli­ca es­sa re­du­ção na com­pa­ra­ção anu­al”, ava­lia o eco­no­mis­ta da CNC Bru­no Fer­nan­des. Se­gun­do a con­fe­de­ra­ção, a ma­nu­ten­ção das al­tas ta­xas de ju­ros e a ins­ta­bi­li­da­de do mer­ca­do de tra­ba­lho am­pli­a­ram o per­cen­tu­al das fa­mí­li­as com con­tas ou dí­vi­das em atra­so, tan­to na com­pa­ra­ção men­sal co­mo na anu­al. Em se­tem­bro de 2015, o per­cen­tu­al era de 23,1% e ago­ra, de 24,6%. Em ju­lho, foi de 24,4%. Em se­tem­bro, 9,6% das fa­mí­li­as afir­ma­ram à CNC que não têm co­mo pa­gar su­as dí­vi­das de che­que pré-da­ta­do, car­tão de cré­di­to, che­que es­pe­ci­al, car­nê de lo­ja, em­prés­ti­mo pes­so­al, pres­ta­ção de car­ro e se­gu­ro. O re­sul­ta­do é mai­or do que o de agos­to, de 9,4%, e que o de igual mês de 2015, de 8,6%. A pro­por­ção dos que afir­ma­ram es­tar mui­to en­di­vi­da­dos di­mi­nuiu de agos­to pa­ra se­tem­bro, de 14,6% pa­ra 14,4% do to­tal.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.