Pro­cu­ra-se iden­ti­da­de

Correio da Bahia - - Esporte - Bru­no Qu­ei­roz bru­no.qu­ei­roz@re­de­bahia.com.br

Com cam­pa­nhas dis­tin­tas den­tro e fo­ra de casa, Bahia bus­ca equi­lí­brio

Um ti­me ca­paz de ven­cer com au­to­ri­da­de ad­ver­sá­ri­os tra­di­ci­o­nais co­mo Vas­co, Goiás, Pa­ra­ná e Cri­ciú­ma, mas in­ca­paz de der­ro­tar equi­pes re­cém-pro­mo­vi­das da ter­cei­ra di­vi­são co­mo Tu­pi, Bra­sil de Pe­lo­tas, Lon­dri­na e Vi­la No­va. Um ti­me que den­tro de casa tem a se­gun­da me­lhor campanha da com­pe­ti­ção, mas que fo­ra ven­ceu ape­nas du­as par­ti­das em 15 jo­gos dis­pu­ta­dos.

Não há ló­gi­ca ca­paz de ex­pli­car o que se pas­sa com o Bahia na atu­al Sé­rie B. E es­sa ir­re­gu­la­ri­da­de no cam­pe­o­na­to vem tor­nan­do, a ca­da ro­da­da, o ob­je­ti­vo do aces­so mais com­pli­ca­do. O úl­ti­mo exem­plo in­tri­gan­te acon­te­ceu nas du­as úl­ti­mas ro­da­das. Após ven­cer o Cri­ciú­ma por 2x0 na Fon­te No­va, com uma boa

For­ça e equi­lí­brio, Mu­ri­el. Tu­do que o Bahia pre­ci­sa atu­al­men­te na Sé­rie B

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.